Com recorde de público, Fla vence o Bangu na estreia do Carioca

UOL: O Flamengo iniciou sua caminhada no Campeonato Carioca neste domingo (20) vencendo o Bangu de virada, por 2 a 1, com gols de Diego e Rhodolfo, diante de mais de 46 mil torcedores no Maracanã.

O jogo ficou marcado por uma polêmica de arbitragem. No início do lance que originou o gol de empate do Rubro-Negro, a bola teria saído pela linha de fundo, segundo imagens da TV Globo. Na sequência, foi marcado um pênalti convertido por Diego e o volante Felipe Dias, do Bangu, acabou expulso.

No segundo tempo aconteceu outro pênalti para o Flamengo, mas Diego desperdiçou.

Nesta quarta-feira (23) o Rubro-Negro volta a campo para enfrentar o Resende no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), pela segunda rodada do Grupo C da Taça Guanabara.

Diego e Everton Ribeiro comemorando gol do Flamengo - Foto: Alexandre Vidal
Flamengo falha em jogadas aéreas
O Flamengo construiu sua virada com certa facilidade, mas alguns pontos foram evidenciados e precisarão de reparos por parte do técnico Abel Braga. O principal deles no que se refere às jogadas aéreas defensivas, onde a equipe sofreu gol e levou outros sustos durante a partida.

Gol do Bangu após falha de Rodrigo Caio
Kelvin bateu um arremesso de lateral aos 2 minutos do primeiro tempo e Anderson Lessa subiu mais alto que Rodrigo Caio para, de cabeça, abrir o placar para o Bangu e silenciar o Maracanã.

Fla empata após erro de arbitragem
O empate do Flamengo aconteceu rápido, logo aos 12 minutos, mas foi cercado de polêmica. O lateral esquerdo Renê foi à linha de fundo e, de acordo com as imagens da TV Globo, a bola pareceu sair. Porém, a arbitragem não deu, a jogada seguiu, Diego chutou e o zagueiro Felipe Dias cortou com a mão. O árbitro Bruno Arleu de Araújo anotou o pênalti e ainda expulsou o jogador do Bangu. Na cobrança, Diego converteu com categoria.

Quase Diego faz de novo!
Inspirado, Diego quase fez mais um aos 20 minutos, quando cabeceou firme para o goleiro Jeferson Paulino fazer grande defesa.

Flamengo vira com Rhodolfo
Aos oito minutos do segundo tempo, Éverton Ribeiro cruzou com extremo capricho para Rhodolfo, que se antecipou ao goleiro e, de cabeça, raspou a bola para o fundo da rede levando o Flamengo à virada.

Diego perde pênalti
Aos 18 minutos do segundo tempo, Éverton Ribeiro foi derrubado por Dieyson e sofreu pênalti. Na cobrança, Diego chutou forte no canto direito, mas o goleiro Jefferson Aquino fez grande defesa e impediu o segundo tento do meia.

Diego se destaca apesar de pênalti perdido
O meia Diego foi um dos principais destaques da vitória do Flamengo, fazendo gol, finalizando e sendo bem participativo, mas sua atuação não ficou totalmente positivo por ter desperdiçado um pênalti no segundo tempo.

O melhor - Jefferson Aquino
Se não fosse o goleiro Jefferson Aquino, do Bangu, a vitória do Flamengo seria mais elástica. O arqueiro fez grandes defesas e ainda pegou um pênalti de Diego.

O pior - Felipe Dias
Embora tenha sido prejudicado pela arbitragem, que não deu a saída de bola no início da jogada, o volante Felipe Dias utilizou a mão e foi expulso com apenas 12 minutos do primeiro tempo.

Abel valoriza intensidade
O Flamengo de Abel Braga se mostrou um time que busca a intensidade durante os 90 minutos mesmo com adversidades, como o forte calor do Rio de Janeiro. O time também valorizou a posse de bola.

Alfredo Sampaio fica prejudicado
O provável erro de arbitragem no lance do gol de empate do Flamengo acabou prejudicando os planos do técnico Alfredo Sampaio, que ficou com um a menos desde os 12 minutos do primeiro tempo e precisou se defender o tempo inteiro.

"Está um forno isso aqui!"
Na saída para o intervalo, o meia Diego desabafou sobre o forte calor da tarde deste domingo no Maracanã.

"Está um forno isso aqui!", disse o jogador do Flamengo à TV Globo.

Gabigol e Arrascaeta apresentados
Cerca de uma hora antes de a bola rolar no Maracanã, os reforços Gabigol e Arrascaeta subiram ao gramado e foram apresentados à torcida do Flamengo vestidos com a camisa rubro-negra.

Produtos piratas
Do lado de fora do Maracanã, uma série de produtos piratas em alusão a Gabigol e Arrascaeta, como camisas e copos, eram comercializados.

FLAMENGO 2 X 1 BANGU

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 17h (horário de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo
Auxiliares: Luiz Claudio Regazone e Thiago Henrique Neto Corrêa Farinha
Cartões amarelos: Vitinho, Diego, Thiago Santos (FLA); Dieyson, Michel (BAN)
Cartões vermelhos: Felipe Dias (BAN)
Público: 46.472 mil presentes (43.761 mil pagantes)
Gols: Anderson Lessa, aos 2 minutos do primeiro tempo (BAN); Diego, aos 12 minutos do primeiro tempo (FLA); Rhodolfo, aos 8 minutos do segundo tempo (FLA)
Flamengo
Diego Alves, Pará, Rhodolfo, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar, Willian Arão e Diego (Vitor Gabriel); Éverton Ribeiro (Piris da Motta), Vitinho (Thiago Santos) e Uribe
Técnico: Abel Braga
Bangu
Jeferson; Kelvin, Michel, Anderson, Dieyson; Felipe Dias, Serginho (Josiel), Marcos Júnior (Yaya Bañoro); Pingo (Jairinho), Anderson Lessa, Robinho
Técnico: Alfredo Sampaio

Com gols de Diego, de pênalti, e Rhodolfo, o Flamengo bateu o Bangu na primeira rodada do Campeonato Carioca 2019.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/SiteFlaResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget