Reforços tiram o espaço de jovens da Base no Flamengo

UOL: O Flamengo investiu um pouco mais de R$ 100 milhões em contratações no mercado da Bola. Trouxe nomes badalados como Arrascaeta, Gabigol, Bruno Henrique e Rodrigo Caio. Com time recheado e bastante alternativas, os jovens formados nas categorias de base do Rubro-negro terão dificuldade para encontrar espaço no time titular.

A situação é diferente do que ocorreu na temporada passada, quando o Flamengo chegou a ser comandado por Lucas Paquetá e Vinicius Júnior. Além disso, Léo Duarte teve grande desempenho e ainda viu César ter boas atuações ao substituir Diego Alves. Felipe Vizeu também viveu seu momento antes de ser vendido. Em 2019, no entanto, os jovens encontram maior concorrência e iniciam o ano entre os reservas.

Rodrigo Caio com torcedores do Flamengo - Foto: Alexandre Vidal
O caso mais emblemático é o de Léo Duarte. O zagueiro foi considerado um dos destaques do time no último Brasileiro, mas perdeu espaço no time titular com a contratação de Rodrigo Caio - comprado por R$ 22,2 milhões. O ex-jogador do São Paulo esteve no time titular ao lado de Rhodolfo.

Quem também viu a situação piorar drasticamente é Lincoln. O atacante está no fim da fila na concorrência pela camisa 9. Gabigol foi contratado e chega com o status de titular absoluto. Já Uribe aparece como primeira alternativa. O jovem rubro-negro ainda tem Henrique Dourado na sua frente.

A chegada de Bruno Henrique - por R$ 23 milhões - diminui ainda mais o espaço para que Lincoln surja como opção na linha ofensiva. Arrascaeta, contratado por R$ 63 milhões, diminui o espaço de nomes como Thiago Santos.

César, por sua vez, viu Diego Alves se acertar com a diretoria, encerrar a polêmica e confirmar permanência no Flamengo. Desta forma, o goleiro que terminou a última temporada no time titular terá menos oportunidades inicialmente.

Toda essa situação poderá mudar já que Abel Braga poderá adotar dois times, fazendo com vários atletas joguem partidas inteiras - algo como fez o Palmeiras após Felipão. Nesse caso, alguns jovens voltariam a ter destaque. Léo Duarte, César e Jean Lucas seriam os maiores beneficiados com essa situação.

A situação é diferente do que ocorreu na temporada passada, quando o Flamengo chegou a ser comandado por Lucas Paquetá e Vinicius Júnior.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/SiteFlaResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget