Santos faltou com a palavra em negociação com o Flamengo

JORGE NICOLA: O Flamengo já desistiu publicamente da contratação de Bruno Henrique. O Cruzeiro deve fazer o mesmo nos próximos dias. Tudo por causa das cifras exigidas pelo presidente santista José Carlos Peres para vender seu ponta-direita.

O Blog descobriu com cariocas e mineiros os valores das ofertas feitas e quais as contrapropostas do Peixe, que inviabilizaram o acordo. O caso mais grave é o do Flamengo, que chegou a ter o “sim” de Peres depois de oferecer R$ 22,5 milhões, além do empréstimo de dois jogadores, que seria acertado entre os clubes.

O Santos exigiu Jean Lucas e Uribe, mas o colombiano foi vetado por Abel Braga. Então, ficou combinado de Peres pedir um outro atleta. O tempo passou e nada de o Peixe fazer a indicação. Até que, quando encontrado, o dirigente desistiu do acordo pelos R$ 22,5 milhões e exigiu R$ 28 milhões.

Bruno Henrique no Santos - Foto: Divulgação
A “falta de palavra”, como o Flamengo entendeu a questão, foi encarada como uma afronta, levando o Rubro-Negro a anunciar na segunda-feira, por meio do vice-presidente de futebol, Marcos Braz, que não haveria mais negociação.

No mesmo dia, os santistas entraram em contato com o Cruzeiro para tentar retomar conversas abertas no ano passado. O Peixe recebeu a oferta de R$ 10 milhões, além do atacante Raniel em definitivo – a Raposa cederia 50% dos direitos econômicos do garoto, de 22 anos. Porém, a resposta santista foi indigesta: R$ 20 milhões, além de Raniel.

Tanto Flamengo como Cruzeiro estranharam o fato de quase todas as tratativas serem conduzidas por Renato Duprat, que nada tem a ver com Bruno Henrique. Duprat já havia cuidado das negociações com Jorge Sampaoli e Soteldo, contratados recentemente.

Fora dos treinos? O Blog também apurou que o desacerto com Flamengo e Cruzeiro irritou Bruno Henrique. A ponto de o jogador estar cobrando da diretoria a liberação dos treinos por pelo menos três dias, para que ele possa colocar a cabeça no lugar.

A chateação de Bruno Henrique está ligada ao fato de ele ter sido autorizado pelo Santos a discutir salários e contrato com o Flamengo. A partir daí, houve acordo entre o atacante e o Rubro-Negro, que acabou não valendo de nada depois da recusa alvinegra.

Bruno também está decidido a exigir uma melhora salarial de Peres, levando em consideração as altas cifras exigidas pelo Santos para sua venda, e também o dinheiro que ele deixará de ganhar com a não concretização das tratativas com cariocas e mineiros.

Até que, quando encontrado, o dirigente desistiu do acordo pelos R$ 22,5 milhões e exigiu R$ 28 milhões.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/xresenhacrf} {twitter#https://twitter.com/FlaResenhaNews} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget