Flamengo é vice-campeão Mundial de Basquete

GLOBO ESPORTE: Há cinco anos o AEK não tinha time de basquete profissional. Vivendo profunda crise financeira, o clube abrira mão da bola laranja. Mas nada como um dia após o outro. Neste domingo, no Rio de Janeiro, pelas mãos de Delroy James, Dusan Sakota, Jonas Maciulis e Jordan Theodore, a equipe se igualou ao Panathinaikos e ao Olympiacos e ao bater o Flamengo na Arena Carioca 1 por 86 a 70 trouxe de volta para a Grécia a taça da Copa Intercontinental Fiba, espécie de Mundial de clubes de basquete.

Jordan Theodore foi o grande nome do AEK na partida. O armador americano acelerou quando precisou, distribuiu o jogo, freou na hora certa e terminou a partida com 22 pontos e cinco assistências. Delroy James, forte no garrafão, também foi importante com 12 pontos e cinco rebotes. Bicampeão da Copa agora, o grego Jonas Maciulis foi outro muito bem, com 17 pontos. No Flamengo, Anderson Varejão dominou com um duplo-duplo de 21 pontos e 11 rebotes. Marquinhos fez 11 pontos. E Franco Balbi teve nove pontos e oito assistências.

Foto: Divulgação
Nas arquibancadas, a maioria em vermelho e preto aplaudiu o time perdedor. O Flamengo, remontando seu elenco após a chegada de Gustavo De Conti no começo da temporada, fez frente ao AEK e valorizou demais o título do rival. Campeão em 2014, os cariocas deixaram escapar a chance do bicampeonato diante da sua toricda. E os fãs gregos, não mais que 100, pintados de amarelo, festejaram bastante com seus jogadores.

Mais cedo, o San Lorenzo, da Argentina, bateu o Austin Spurs, dos Estados Unidos, por 77 a 59, conquistando o terceiro lugar da Copa Intercontinental. Com 20 pontos, Dar Tucker foi o cestinha da partida. O ex-rubro-negro Jerome Meyinsse fez dois pontos nos 13 minutos que esteve em quadra.

Desde 2015, quando o Bauru enfrentou o Real Madrid e acabou derrotado, a Copa Intercontinental não recebe a elite da Europa. Após desentendimento dos clubes com a Fiba, houve uma debandada e a maioria joga a Euroliga e a Eurocup e não a Champions League de basquete, essa sim organizada pela Federação Internacional de Basquete. Diante do cenário, a Fiba tem se esforçado para fazer crescer novamente a Copa Intercontinental e no Rio de Janeiro testou novo formato com Austin Spurs (G-League NBA), San Lorenzo (campeão das Américas), Flamengo como anfitrião e AEK como campeão da Champions.

Gregos forçam na defesa e lideram sempre

Como era de se esperar, a torcida empurrou o Flamengo desde que a bola subiu. E essa energia ajudou o time da casa. Nos três primeiros minutos, os cariocas abriram 7 a 2 com bolas de três de Balbi e Marquinhos. Mas ficava claro que não haveria facilidade. Maciulis, no jump, trouxe para 8 a 7, virando o marcador no minuto seguinte. A tensão em quadra era evidente e os brasileiros desperdiçavam bolas no ataque. Se contra o Austin Spurs o Flamengo cadenciou o jogo, no primeiro quarto contra os gregos a variação foi maior. Balbi saía para chutes rápidos após pouca rotação, mas a equipe também cozinhava os 24 segundos. Muito equilibrado, o período chegou ao minuto final com o AEK, forte na marcação e frio no ataque, na frente por 20 a 19. Varejão tinha nove pontos e seis rebotes. Maciulis tinha seis pontos e três rebotes.

A forte marcação do AEK dificultava os bloqueios do ataque do Flamengo. Com oito erros não forçados, os cariocas viram os gregos abrirem 28 a 19 nos dois primeiros minutos do segundo período. Foi quando De Conti parou o jogo e o Rubro-Negro voltou acelerando mais. Diminuiu para 28 a 23. Se Balbi ditava o ritmo no Flamengo, o AEK tinha Jordan Theodore mais uma vez inspirado. O americano controlava bem os 24 segundos e ainda pontuava. Com muita dificuldade de pontuar, o Flamengo até controlava os rebotes, mas sofria. Na metade do quarto, perdia por 32 a 23. Com 13 pontos e oito rebotes, Varejão mantinha o Rubro-Negro no jogo, mas o time seguia atrás em 35 a 27. Em bola de três de Jordan Theodore, o AEK foi para o intervalo vencendo por 42 a 33.

O AEK voltou para liquidar a fatura. Em dois minutos, abriu 5 a 0 na parcial e 47 a 33 no placar. Mas o Flamengo não se entregou. A torcida foi junto e rapidamente, com luxuosa bola de três de Marquinhos após passe de Balbi, a diferença veio para 47 a 42. Enquanto os gregos tinham apenas três erros não forçados, o Flamengo chegava a 16, dando pontos fáceis ao rival. Nem com Varejão chegando ao duplo-duplo de 19 pontos e dez rebotes os cariocas conseguiram encostar de vez. Na metade do quarto o AEK vencia por 54 a 44. Sem sair do seu ritmo por um instante, os gregos conseguiam controlar a partida e pressionavam demais Franco Balbi, dificultando o setor ofensivo do Flamengo. A decisão foi para o último período com o AEK na frente: 63 a 55.

Como em todo o confronto, o AEK seguia forçando o Flamengo a jogar no individual, na batida de bola para dentro. Fechando bem a bola de três pontos, forte dos cariocas na semifinal, os gregos se aproximavam do título. Em momento delicado para os cariocas, o AEK cravou com Roos e abriu 70 a 55. Na última tentativa de buscar o jogo, o Flamengo voltou a acelerar e apostou nas bolas de três, que não caíam. Faltando cinco minutos, o AEK tinha 75 a 59. Na segunda metade, os cariocas, no desespero, tentaram buscar, mas a tática deu lugar ao desespero e o AEK aproveitou para abrir ainda mais. Faltando dois minutos, a torcida grega já comemorava o título. Com 84 a 64, a partida estava definida. E foi só esperar para sacramentar em 86 a 70, não sem antes acontecer um breve desentendimento após os gregos comemorarem ainda com 4s no relógio, para chateação do elenco do Flamengo.

Nas arquibancadas, a maioria em vermelho e preto aplaudiu o time perdedor.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/SiteFlaResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget