Vinicius Jr em Barcelona x Real atrai público em São Gonçalo

O GLOBO: A estreia de Vinicius Júnior como titular do Real Madrid no clássico contra o Barcelona parecia dia de jogo do Brasil na Copa do Mundo na escolinha do Flamengo em São Gonçalo, onde a joia de 18 anos deu seus primeiros passos. Em uma televisão improvisada próximo do campinho de treino, a garotada se aglomerou para torcer para o clube merengue por causa do menino que sentava naqueles bancos de madeira até outro dia. Coladas na tela, vibraram desde a escalação confirmada e principalmente na jogada do gol com participação de Vinicius.

Depois de treinar os garotos, o professor Ivan Junior, que trabalhou com o atacante do Real Madrid na época de base do Flamengo, espiou alguns lances, e fez elogios ao prodígio enquanto tentava controlar a euforia das crianças, prestes a derrubar a televisão.

— O que ele está fazendo com 18 anos não tem nem palavras. Ninguém esperava tanto. Fez boas partidas — afirmou, antes de analisar os lances do jogo

— Ele está ditando o jogo do Real, puxando as jogadas pelo lado. Entrar na posição do Cristiano Ronaldo, ídolo do clube, não é fácil.

Foto: Divulgação
Atrás da televisão de tela plana de 32 polegadas solta sobre a bancada improvisada, uma grade e uma janela branca fechada não permitiam ver as camisas do Flamengo e da seleção brasileira de base assinadas por Vinicius Junior, em quadros pendurados no escritório da modesta escolinha do clube em São Gonçalo. O professor soube que o atacante estava em observação para a seleção principal, e avisou:

— Pra mim já deveria ter levado ele pra seleção. Hoje vejo ele menos afobado e mais experiente — defende.

A barulheira na escolinha só diminuiu quando Vinicius Junior deixou o campo no segundo tempo. Messi, também ídolo da garotada, foi para o jogo e ainda segurou alguns olhares na tela.

Bares ‘vendem’ jogo de Vinicius

A cidade como um todo naturalmente não parou para ver seu conterrâneo em campo, mas bares no Centro de São Gonçalo receberam público com interesse em ver Vinicius Junior. Inclusive jovens com camisas dos clubes rivais do Flamengo no Rio. As comparações com o ex-jogador do Flamengo Negueba, outrora provocações sobre os rubro-negros, cessaram.

— Era Negueba pela zoação. Ele é muito melhor. Surpreendente — classificou o torcedor do Fluminense Douglas Mazur.

— Ele está menos afobado e entrando no ritmo do Real. Se evoluir mais vai ser o orgulho de São Gonçalo — disse o vascaíno Hugo Resende.

Na rua de bares próximo à Prefeitura, a movimentação às 18h era tímida, mesmo com quase todas as televisões ligadas ‘vendendo’ o clássico espanhol. No clube Mauá de São Gonçalo, uma feira atraía moradores, mas a única televisão ligada não tinha o “gatonet” que um rapaz comentou ser comum na região, com liberação de todos os canais de jogos do exterior, para ver o cria local em dia de estrela.


Inclusive jovens com camisas dos clubes rivais do Flamengo no Rio.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/SiteFlaResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget