Arrascaeta diz que não foi para o Flamengo por dinheiro

ESPORTE 24 HORAS: Em meio ao baque do empate contra o Vasco, no último minuto, o Flamengo tem, sim, coisas a comemorar. Afinal, Giorgian de Arrascaeta teve boa atuação no clássico, não só pelo gol nos primeiros minutos do segundo tempo. Jogando como 10, o uruguaio era a principal opção ofensiva do meio-campo rubro-negro.

Tendo que lidar com a pressão de ser o jogador mais caro da história do Flamengo, Arrascaeta tenta manter o foco dentro das quatro linhas. O uruguaio afirmou que não foi para o Rubro-Negro por dinheiro, mas para jogar futebol. Além disso, o camisa 14 pediu foco total no jogo contra a LDU, nesta quarta (13).

“Temos que estar ligados o jogo todo. Quarta-feira vai ser pegado, mas vamos buscar os três pontos. Não ligo para o lado do dinheiro, jogo futebol. Fiz a opção de vir para o Flamengo, que tem um grande elenco. E vou seguir me dedicando pra melhorar”, disse Giorgian de Arrascaeta.

Foto: Divulgação
Jogando no comando do meio campo do Flamengo, Arrascaeta fez a sua melhor partida com a camisa rubro-negra até agora. De acordo com o Footstats, o uruguaio deu três chutes a gol, acertou 32 dos 37 passes que arriscou (sendo cinco para finalizações) e sofreu duas faltas na partida.

Entretanto, o bom rendimento de Arrascaeta por dentro não deve alterar muito as coisas. Afinal, o titular da posição, Diego, vem vivendo um bom momento no Flamengo. Assim, o uruguaio vem jogando boa parte do tempo pela direita, onde não vem rendendo tão bem. Mas, em meio a essa questão o técnico Abel Braga justificou a opção em coletiva.

Abel Braga afirmou que tanto Arrascaeta quanto Bruno Henrique e Vitinho têm a preferência de jogar pela esquerda do ataque. Entretanto, apenas Everton Ribeiro tem a facilidade de jogar pela direita, já que Berrío está lesionado. Assim, o treinador vem buscando por saídas por aquele lado. Ainda assim, Abel exaltou a competição por vagas no elenco e afirmou que ninguém tem titularidade garantida.

“O Arrascaeta vem jogando pelo lado, não o que ele prefere, mas o direito. Tenho três jogadores que gostam do lado esquerdo (Vitinho, Arrascaeta e Bruno Henrique), mas não tenho três lados esquerdos. Um vai para o direito. Contra o San José, com 30 minutos inverti eles (Bruno e Arrascaeta). Logo depois entrou o Everton (Ribeiro) e o problema por aquele lado acabou. Então é briga. Hoje, mais uma vez, ficou provado que quem tem a titularidade tem que tentar mantê-la”, concluiu Abel Braga.

Jogando como 10, o uruguaio era a principal opção ofensiva do meio-campo rubro-negro.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/xresenhacrf} {twitter#https://twitter.com/FlaResenhaNews} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget