Assim como Vitinho, Flamengo trabalha para tirar peso em Arrasca

EXTRA GLOBO: Sete jogos, 421 minutos em campo, um gol. O saldo de Arrascaeta até agora no Flamengo ainda não é suficiente para a diretoria se preocupar com o resultado da maior contratação da história do clube e do futebol brasileiro.

Os dirigentes aguardam a solução do técnico Abel Braga na armação da equipe, e consideram que não há motivos ainda para colocar a pressão toda sobre os ombros do principal reforço.

A disputa por posições principalmente no ataque tem sido vista com bons olhos pela cúpula do clube, que não interfere nas decisões do técnico, mas procura motivar os jogadores menos aproveitados.

Gabigol e Arrascaeta no Flamengo - Foto: Alexandre Vidal
O comprometimento nos treinamentos e o bom ambiente estão mantidos mesmo com a concorreria acirrada. Há entendimento de que as opções que vêm sendo utilizadas nas partidas dão resultado de forma alternada.

Portanto, a conclusão da diretoria é que o time como um todo tem dado o retorno esperado em termos físicos e na parte técnica. Como encaixar Arrascaeta é um problema exclusivo de Abel Braga, que recebe bem, e em dia, para encontrar as soluções.

Eles consideram que não há motivos ainda para colocar a pressão toda sobre os ombros do principal reforço.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/SiteFlaResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget