Flamengo chega ao 50º jogo de LIbertadores no Maracanã

GLOBO ESPORTE: Com casa cheia - 52 mil ingressos foram vendidos antecipadamente -, o Flamengo reencontra o Maracanã na Libertadores, contra a LDU. Uma parceria que rendeu muitas vitórias e comemora 50 jogos nesta quarta-feira. Estatisticamente, uma relação extremamente positiva, mas também de derrotas marcantes. Algumas, trágicas. Um casamento que já rendeu frutos, mas anda estremecido, após um 2018 para ser esquecido.

Em 15 participações, o Flamengo jogou 49 vezes no Maracanã. Na frieza dos números, o desempenho é excelente: 33 vitórias, oito empates e oito derrotas, um aproveitamento de 72,8%.

Foto: Divulgação
Quase 36 mil torcedores por jogo
A soma de Flamengo, Libertadores e Maracanã, geralmente, é sinônimo de casa cheia. Ao todo, o clube levou 1.726.177 torcedores em 48 jogos – média de 35.962 por partida. Não computamos a partida contra o Santa Fé, no ano passado, com portões fechados. O recorde é de 1981, quando o Rubro-Negro levou 93.985 pessoas ao estádio para o segundo jogo da decisão.

Os dados foram colhidos em reportagens da época. Em alguns casos, especialmente em jogos da década de 80, os números foram arredondados pelos jornais.

Sequência no Maracanã
O desempenho como mandante em 2018 foi ruim e responsável direto pela precoce eliminação nas oitavas de final. Não há, no entanto, momento melhor para retomar o bom relacionamento. Após a boa vitória sobre o San José na altitude de Oruro, a tabela da Libertadores reservou três jogos seguidos em casa: LDU (13/3), Peñarol (3/4) e San José (11/4). Sequência fundamental para o Flamengo avançar sem sustos à próxima fase.

- Tudo vai depender do nosso rendimento. Mas aqui, em nosso estádio, e que esteja cheio. Precisamos do nosso torcedor, isso nos ajuda muito. No ano passado fizemos jogos sem a presença deles. O fato dos jogos serem em sequência ou alternados em casa não faz diferença. Temos que vencer - comentou Diego, antes do encontro com a LDU.

Decepção no Maracanã em 2018
O desempenho do Flamengo no ano passado, no Maracanã, na Libertadores, foi sofrível. Em três jogos, venceu um, empatou outro e perdeu para o Cruzeiro por 2 a 0, na oitavas. Jogo que praticamente selou a eliminação. Nem a vitória por 1 a 0 no Mineirão foi capaz de reverter a situação. O Rubro-Negro ainda empatou por 2 a 2 com o River Plate na estreia, no Nilton Santos.

O fato de atuar os dois primeiros jogos em casa sem torcida pesou. Punido pela confusão nos arredores do Maracanã na final da Copa Sul-Americana, em dezembro de 2017, o Flamengo teve de jogar duas partidas com portões fechados. Empates com River Plate (2 a 2, no Nilton Santos) e Santa Fé (1 a 1 no Maracanã).

Fato é que, na quarta-feira, o Flamengo começa a escrever um novo capítulo na Libertadores, dentro do Maracanã. Uma história bonita, com momentos trágicos, mas que ano após ano fomenta os sonhos rubro-negros.

FLAMENGO NO MARACANÃ EM LIBERTADORES

49 JOGOS
33 VITÓRIAS
8 EMPATES
8 DERROTAS
PUBLICO TOTAL: 1.726.177 torcedores
MÉDIA DE 35.962 TORCEDORES POR JOGO

Na frieza dos números, o desempenho é excelente: 33 vitórias, oito empates e oito derrotas, um aproveitamento de 72,8%.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/SiteFlaResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget