Trio reserva funciona e cria 'problema' para Abel no Flamengo

UOL: O que mais se debate sobre o time do Flamengo em 2019 são as opções do técnico Abel Braga para a escalação dos onze titulares. O empate por 1 a 1 com o Vasco foi frustrante em razão do gol adversário no último minuto, mas indicou ao comandante a possibilidade de uma melhor engrenagem da equipe.

Ao escalar Everton Ribeiro, Vitinho e Arrascaeta - apenas o último é titular atualmente -, Abel viu o uruguaio à vontade. Além do gol, ele distribuiu passes e esteve mais inteiro na frente sem a necessidade de acompanhar os laterais adversários e marcar com intensidade, o que acontece quando atua na ponta.

Junto, o trio que custou R$ 140 milhões aos cofres do Flamengo construiu o belo gol assinalado por Arrascaeta. Hoje, na vaga de Vitinho atua Bruno Henrique. A função, porém, foi vista de forma muito semelhante no clássico, assim como também chamou a atenção para a importância de Everton Ribeiro, que se movimenta de forma incansável e abre espaços para a construção de jogadas.

Arrascaeta no Flamengo - Foto: Nayara Halm
Com Arrascaeta centralizado e Everton Ribeiro fazendo um papel de destaque pela direita, uma formação nova se desenha no Flamengo. O problema é que Abel Braga precisa escolher, já que atualmente tem o setor de meio de campo montado com Cuéllar, Willian Arão e Diego.

No discurso, inclusive, o técnico se mostra relutante em mudar. Diego, por exemplo, é o nome dele para jogar centralizado até o momento. Desta forma, Arrascaeta voltaria para o lado direito, onde mostra dificuldade e rende muito menos do que pode.

"Praticamente foi a primeira vez que jogaram juntos [Everton Ribeiro e Arrascaeta]. Também podem fazer ao contrário. O Everton por dentro, como fez várias vezes no Cruzeiro, e o Arrascaeta pelo lado do campo. Não tem problema nenhum. Só que hoje o meio está com Arão, Cuéllar e Diego. Está muito bem entregue. Quem tem a posição precisa tentar mantê-la", afirmou Abel.

No momento, Arrascaeta pode até continuar entre os titulares, mas fora da posição preferida. O que falta para que isso aconteça? Abel respondeu.

"Falta quem está jogando dar brecha. É saudável essa briga. O Diego está bem melhor do que no ano passado, fazendo gol e sendo vertical. O Arrascaeta vem jogando pelo lado, não o que ele prefere, mas o direito. Tenho três jogadores que gostam do lado esquerdo [Vitinho, Arrascaeta e Bruno Henrique], mas não tenho três lados esquerdos. Um vai para o direito. Contra o San José-BOL, inverti com 30 minutos. Entrou o Everton Ribeiro e o problema por aquele lado acabou. Então é briga. Ficou provado que quem tem a titularidade precisa tentar mantê-la", encerrou o treinador.

Ao escalar Everton Ribeiro, Vitinho e Arrascaeta - apenas o último é titular atualmente -, Abel viu o uruguaio à vontade.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/SiteFlaResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget