Clubes estão com medo de perder jogadores para o Flamengo


O Flamengo está tirando o sono dos clubes brasileiros nas janelas de transferência. No início do ano, o clube carioca atacou Cruzeiro e Santos e conseguiu contratar Arrascaeta e Bruno Henrique, destaques nos seus respectivos times. Agora, no meio da temporada, a bola da vez é o Fluminense, que corre risco de perder o jovem atacante Pedro para o rival carioca.

Nós últimos dias, como informado primeiramente pelo Lance!, o Flamengo se interessou por Pedro e fez uma proposta ao Fluminense para tirar o atacante das Laranjeiras. A crise financeira do Tricolor joga ao lado do Rubro-Negro, que usa a seguinte estratégia: seduz o atleta com um projeto de carreira e depois dá o bote.

Foto: Divulgação
O discurso nos bastidores de que Pedro só sai do Fluminense se pagar o valor da multa rescisória é utopia, ainda mais se o jogador demonstrar interesse em trocar a camisa tricolor pela rubro-negra. Vale ressaltar que Pedro tem um ótimo relacionamento com o elenco do Flamengo e é visto com frequência em eventos promovidos por atletas do Fla, como aconteceu no aniversário de Everton Ribeiro.

No Flamengo, o discurso é de ter paciência e não fazer loucuras financeiras. A oferta está na mesa e dificilmente aumentarão o que já foi proposto. A negociação está em andamento e longe de um final.

Acordo de cavalheiros salvou o Cruzeiro de um estrago maior:

Em janeiro, o Flamengo sonhava com Arrascaeta e Dedé. Porém, na negociação pelo uruguaio, as duas diretorias fizeram um "acordo de cavalheiros", e o Rubro-Negro desistiu de contratar o zagueiro.

O Flamengo viu que, se esse combinado fosse firmado, o Cruzeiro facilitaria na negociação com Arrascaeta, que teve contornos de novela e só foi finalizada no Uruguai, na casa do jogador.

Um dirigente do Flamengo e um do Cruzeiro confirmaram à reportagem que o acordo de cavalheiros existiu. Não teve um documento assinado, é claro, mas valeu a palavra. Tanto é que, dias depois, Marcos Braz anunciou, em coletiva, que o Rubro-Negro havia desistido do zagueiro.

A crise financeira joga ao lado do Rubro-Negro, que usa a seguinte estratégia: seduz o atleta com um projeto de carreira e depois dá o bote.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget