Os desafios de Jorge Jesus no Flamengo

UOL: Contratado para ser o salvador do Flamengo, o técnico Jorge Jesus terá de operar alguns milagres para recolocar o Rubro-negro no caminho da multiplicação de taças.

O português encontrará um elenco que está vivo nas três frentes que disputa - Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores -, mas que ainda não conseguiu desempenhar um futebol à altura do que a cada dia mais exigente torcida espera.

Antecessor do luso, Abel Braga até deixou a Gávea com um bom índice de aproveitamento, mas a performance nunca convenceu, visto que o Fla dependeu muito dos talentos individuais. Desgastado com direção e a arquibancada, saiu em litígio e insatisfeito com o que classificou como "traição".

Jorge Jesus sorrindo - Foto: Michael Steele/Getty Images
É esse é um dos grandes desafios do novo comandante: transformar um grupo recheado de bons valores em um time que jogue melhor. Ante este cenário, o uruguaio Arrascaeta surge como o protagonista neste novo momento. Contratação mais cara da história do clube (R$ 62 milhões), foi preterido por Abel durante quase todo o tempo. Além da parte técnica, caberá a ele tentar reconstruir esse elo com o torcedor e abrir um canal de diálogo com os responsáveis pelo dia a dia do Flamengo.

Sob novo comando, a cúpula de futebol espera que o camisa 14 seja o protagonista. Gabigol também oscilou no período com Abel e chegou a ver Bruno Henrique jogar mais centralizado. Assim como Arrascaeta, o centroavante também não foi uma contratação pedida expressamente pelo ex-técnico. A equipe tem sido montada com Cuéllar e Willian Arão como homens responsáveis pela marcação, mas o Flamengo tem sido uma peneira sob o ponto de vista defensivo, o que será mais um desafio para o comandante.

Ciente de sua responsabilidade, Jesus já deu o tom em sua primeira declaração como novo contratado do clube. Ao TNT, ele falou sobre sua missão na Gávea:

"O treinador de um clube como o Flamengo tem que chegar para ganhar título. Estou habituado com essa pressão e não sei viver sem ela. Estou super entusiasmado porque vou para um grande clube, com uma torcida apaixonada e muito gigante".

Jesus receberá ainda o lateral Rafinha e, no mínimo, um zagueiro para encorpar o elenco. Com tantas opções, a direção entende que o ex-Benfica será um profissional capaz de aliar pulso firme a bom futebol. Com contrato de um ano, será considerado um fiasco na Gávea em caso de insucesso nas competições que restam.

Jesus definiu que chegará ao Brasil até o dia 18 de junho e terá uma comissão técnica própria, com analistas e auxiliares trazidos a dedo. A diretoria entende que precisa dar a ele retaguarda, o que significa autonomia para mudar processos, o que só se dará com sua equipe de trabalho completa.

Ainda que fechada diretamente entre o presidente do Flamengo e o técnico, a negociação de Jesus teve participação do agente Kia Joorabchian - juntamente com Giuliano Bertolucci, seu sócio e representante do treinador português no Brasil.

Ciente de sua responsabilidade, Jesus já deu o tom em sua primeira declaração como novo contratado do clube. Ao TNT, ele falou sobre sua missão na Gávea:

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/xresenhacrf} {twitter#https://twitter.com/FlaTeMorrer1895} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget