Pai ignora outros interessados e afirma: "Gerson quer o Flamengo"

O GLOBO: A negociação com Gérson está bem encaminhada. Está tudo acertado entre o staff do atleta e o clube, mas o problema está na Roma. Ainda falta a liberação do clube italiano para que o meio-campista seja anunciado como novo reforço.

Gérson já deixou claro que deseja jogar no Flamengo. A Roma também o coloca na lista de negociáveis. Marcos Silva, pai e representante, também entende que ir para a Rússia não seria o melhor movimento para a sua carreira temendo a falta de visibilidade. No Rubro-Negro, a expectativa é por um retorno para a Seleção Brasileira e a disputa dos Jogos Olímpicos de 2020.



“Tivemos uma proposta de um clube russo e do Flamengo. Qual jogador que não quer jogar no Flamengo? Todos querem no mundo todo. O Gerson amadureceu. Temos um contrato, sou grato a Roma e a Fiorentina pela última passagem, mas a Roma é um clube vendedor e vai vender o Gerson. Será magnífico. Temos um contrato, sou grato a Roma e anteriormente a Fiorentina, mas o Flamengo é um time que vai nos proporcionar vestir a camisa da Seleção Brasileira. Meu filho quer vestir a camisa rubro-negra. Estamos trabalhando para que essa vontade do jogador se concretize.

Marcos Braz e Bruno Spindel viajaram até a cidade italiana para tocar as negociações. Uma primeira reunião, na última terça-feira, com os dirigentes italianos foi adiada, mas uma nova conversa está agendada. 

"O pensamento é só esse. O Flamengo dará visibilidade. Estou na Itália e todos conhecem o Flamengo. Sabem da potência do clube carioca. É a chance de fazer o Gerson chegar onde todos esperamos. Poucos conhecem o Gerson na sua nova função (tática). Ele é um jogador totalmente diferente daquele que saiu do Fluminense. É outro atleta. Em pouco tempo, conseguiremos chegar a Seleção. Já passou pela base e esperamos que ele retorne. Sem desmerecer outros clubes, o Flamengo proporciona visibilidade com a estrutura e o técnico. Estamos abraçando o projeto e sei que vai dar certo.

Apesar da confiança para o acerto, há cautela por parte da diretoria rubro-negra. Inicialmente, a ideia era negociar um empréstimo. Após a Roma vetar a tentativa, a ideia é adquiri-lo em definitivo. Anteriormente, uma reunião entre o staff do atleta e Marcos Braz já havia sido realizada e a resposta foi positiva.

"O Gerson está treinando normalmente na Roma. A situação (desejo) já foi resolvida e passada ao clube. Faltam os detalhes entre os clubes que deve ser resolvida amanhã (quinta-feira). Não tem queda de braço. Não há stress, mas quando eles conversarem vão resolver. O meu filho chegou pra mim e falou: ‘pai, eu tenho 22 anos e você me ensinou a ser um bom homem. Então, eu fiz muita gente sorrir. Agora, eu quero sorrir’. Eu falei: meu filho, mas hoje o que é sorrir pra você? ‘É eu resolver a minha situação e jogar no Flamengo’. Aquilo acabou comigo, não falei mais nada. Porque todos precisam de dinheiro, mas a felicidade de um atleta... Imagina um jogador com felicidade pra jogar? Ele vai ter um rendimento magnífico dentro de campo, um rendimento que será proporcionado a todos: clube, família... Então, eu fui pra cima. Por isso estou dando entrevista agora e dizendo que hoje a maior felicidade do meu filho seria vestir a camisa do Flamengo”

O pensamento é só esse. O Flamengo dará visibilidade. Estou na Itália e todos conhecem o Flamengo. Sabem da potência do clube carioca.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/xresenhacrf} {twitter#https://twitter.com/FlaResenhaNews} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget