Ribeiro diz que Flamengo não pode aceitar pressão do Athletico

GAZETA ESPORTIVA: O Flamengo intensificou a sua preparação de olho no duelo desta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), contra o Athletico Paranaense na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), pela rodada de ida das quartas de final da Copa do Brasil. A expectativa dos flamenguistas, que terão a estreia do técnico português Jorge Jesus em um jogo oficial, é a de encarar a pressão do Furacão, disposto a fazer um bom resultado em casa.

“Sabemos que é um jogo muito complicado, pois o Athletico Paranaense é muito forte jogando dentro de casa. A nossa expectativa é a de que eles vão tentar fazer o resultado para terem mais tranquilidade na volta, no Rio de Janeiro. Vamos precisar saber lidar com este tipo de situação, pois não podemos aceitar esta pressão. Temos que encontrar o melhor caminho de fazermos o resultado que nos interessa”, disse o zagueiro Léo Duarte.

Foto: Gilvan de Souza
O meia Everton Ribeiro segue a mesma linha de raciocínio.

“Enfrentar o Athletico Paranaense no Sul nunca é uma tarefa das mais tranquilas e entendemos que vamos ter dificuldades. Porém, o Flamengo não pode aceitar a pressão que com certeza eles vão querer impor para dar conseguirem sair em vantagem. É um jogo de cento e oitenta minutos e o segundo tempo será na nossa casa. Mas não podemos deixar de jogar na ida pois podemos nos complicar”, disse o apoiador.

O elenco participou de uma atividade tática nesta segunda-feira, porém, a escalação que vai a campo só deverá ser definida nesta terça-feira, data do embarque da delegação para a capital paranaense. Na atividade, ao menos na parte aberta à imprensa, Jorge Jesus deu uma pista da possível escalação para o confronto na Arena da Baixada.

Em relação à equipe que iniciou o jogo-treino contra o Madureira, Jorge Jesus tirou Rodinei, William Arão e Lucas Silva, e escalou Rafinha, Cuéllar e Arrascaeta. Com isso, a provável escalação para enfrentar o Athletico deve ser: Diego Alves, Rafinha, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar, Diego, Vitinho e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabigol.

Everton Ribeiro, que se recuperou de uma inflamação no tendão calcâneo direito e voltou a treinar com o grupo na última sexta-feira, deve começar a partida no banco de reservas.

A expectativa dos flamenguistas é a de encarar a pressão do Furacão, disposto a fazer um bom resultado em casa.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget