Gabigol pode se tornar o maior artilheiro do século do Flamengo

ESPN: Gabigol vive ótima fase com a camisa do Flamengo na temporada. Contra o Internacional, pela partida de volta das quartas de final da Copa Libertadores, o atacante mais uma vez voltou a balançar as redes, sacramentando a classificação flamenguista para a semifinal da competição.

O gol marcado no Beira-Rio após mais uma assistência de Bruno Henrique aumentou ainda mais os ótimos números do atacante rubro-negro na atual temporada. Até aqui são 37 jogos e 26 gols. Foram sete no Campeonato Carioca e dois na Copa do Brasil. Soma-se a isso mais doze gols no Campeonato Brasileiro e cinco na Libertadores.

E a ótima fase do camisa 9 flamenguista faz com que ele vislumbre uma temporada de recordes pelo clube carioca. Até aqui, Gabigol tem uma ótima média de 0,7 gol/jogo. E, caso mantenha o pique da remada até o final do ano, caminha a passos largos para se tornar o maior artilheiro do clube em uma só temporada no século.

Gabigol comemorando gol pelo Flamengo contra o Inter - Foto: Pedro Martins
Levantando em conta que o Flamengo ainda terá mais 22 partidas pelo Campeonato Brasileiro e pelo menos mais duas pela semifinal da Libertadores, são 24 jogos garantidos até o fim da temporada. Contando que ele jogue todos os jogos, chegaria a 61. Projetando a média de gols, chegamos à marca de 42,7.

Em uma projeção mais otimista, imaginando que o Flamengo passe para a final da Libertadores, seja campeão e vá ao Mundial no final do ano chegando à decisão, seriam mais 27 partidas. Nesse cálculo, mantendo a média, Gabigol chegaria a 44,8 gols em 64 partidas.

A primeira colocação entre os artilheiros do clube em uma temporada neste século pertence a Hernane “Brocador”, que em 2013 terminou o ano com 36 gols em 58 partidas, uma média de 0,62 gol/jogo. Na sequência aparecem Edílson, o "Capetinha", que em 2001 marcou 28 gols, e Petkovic, que em 2000 também fez os mesmos 28.

Se Gabigol encerasse a temporada nesse momento, ainda assim teria ótimos números. Apareceria em terceiro lugar na lista dos artilheiros da equipe em uma temporada neste século. E mesmo que o atacante baixe sua média até o fim da temporada para 0,6, já igualaria os 36 gols de Hernane.

Com o gol na última partida pelo Brasileirão contra o Ceará, Gabigol já havia ultrapassado Vagner Love, quem 2012 marcou 24 gols. Mas não é só pela artilharia do Flamengo em uma temporada no século que Gabigol vai brigar se mantiver esses números.

O atacante flamenguista pode se tornar o maior artilheiro em uma temporada no futebol brasileiro nos últimos dez anos. O primeiro lugar pertence a Neymar, que em 2013 fechou o ano com 43 gols. Em 2010, Jonas, à época no Grêmio, e o mesmo Neymar fizeram 42 gols. Keirrison pelo Coritiba em 2008 balançou as redes em 41 oportunidades. No último ano, Gustagol foi o artilheiro com 30 gols pelo Fortaleza.

Até aqui são 37 jogos e 26 gols. Foram sete no Campeonato Carioca e dois na Copa do Brasil.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget