Júlio César revela que o Flamengo tentou mantê-lo no clube

FOX SPORTS: Um dos principais goleiros da história do futebol brasileiro, Júlio César fez história com as camisas de Inter de Milão e Flamengo. Na despedida pelo clube carioca, no ano passado, ele admitiu o gostinho de continuar, mas revelou que não dava mais.

Convidado especial do Aqui com Benja, o ex-goleiro afirmou que a convivência nos três meses de volta ao Rubro-Negro foi fanstática. A relação era tão boa com jovens que passou pela cabeça de continuar por conta dos pedidos. No entanto, admitiu que não poderia voltar atrás:



"Minha vinda foi bacana porque estava consolidado, com prestígio, cheguei para somar, estava servindo de exemplo para os mais jovens. O grupo me recebeu de braços abertos, mostrei o que era o Júlio César em termos de vestiário, para agregar, o Flamengo gostou muito, disse que deveria continuar, pelo papel de líder. O Paquetá, Vinícius Júnior pediam para ficar", afirmou Júlio, que completou:

"Eu tinha idade avançada, mas a mesma mentalidade deles. Eles curtiam demais. Foi o que mais me agradou. (Não rolou) porque a festa estava toda preparada. Muita emoção, colhendo entrevistas, aí eu falo 'não vou me despedir mais'. Maior papelão", explicou.

Durante o acerto para se aposentar no Flamengo, Júlio César conviveu com a ira da mulher Suzana Werner, que era contra o retorno ao Brasil. Apesar das polêmicas, o ex-goleiro deixou claro que tudo ficou acerto, inclusive com a companheira gostando de tudo que foi feito no duelo contra o América-MG, no Maracanã, último da sua vitoriosa carreira.

"A loira (Suzana Werner) estava em Portugal p... da vida comigo. Ela ficou (com raiva). É uma longa história, ela tem uma versão, eu tenho a minha. Vou respeitar a dele", explicouFoi ótimo, ela curtiu a despedida. Foi um mix de emoções, o último dia é brabo, nem dorme direito, não vai ter mais aquilo. Último dia é complicado, tentei viver da melhor maneira possível. A última partida foi a cereja em cima do bolo, acabei sendo importante, fiz boas defesas, colaborando para que o resultado fosse aquele", finalizou.

A relação era tão boa com jovens que passou pela cabeça de continuar por conta dos pedidos.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget