87, VAR, Jesus supervalorizado... Neto sangra com o Flamengo na liderança

CRAQUE NETO 10: O líder Flamengo fechou a vigésima quarta rodada vencendo o Atlético/MG por 3 a 1. Foi a 17ª vitória rubro-negra na competição. E isso mesmo desfalcado de nomes fundamentais como o artilheiro Gabigol e o uruguaio De Arrascaeta, que passou recentemente por uma cirurgia no joelho. Mas posso falar? Já pode entregar a taça! Sinceramente. Ué, analisem bem, com esse resultado os cariocas abriram oito pontos para o Santos, o segundo colocado, e com três vitórias a mais que o time do Jorge Sampaoli.

Estatisticamente, se o Flamengo vencer só os jogos dentro de casa já fica com a taça. E não cabe aqui nem ficar falando do tal do VAR, que de fato ajudou o clube rubro-negro em algumas partidas. Mas tenho que reconhecer que a diretoria montou um baita time. É verdadeiramente o MELHOR do País hoje em dia. Não tem nem como discutir que os caras estão jogando muita bola. Mas muita mesmo.

Rafinha, lateral do Flamengo, rindo - Foto: Alexandre Vidal
A única coisa que discuto, e a justiça me deu razão, é que o Flamengo vai conquistar oficialmente seu sexto título do Brasileirão. Isso mesmo! O Hexa, até porque o de 87 é do Sport Recife. Tem gente que vai querer argumentar aquele regulamento da Copa União dos módulos verde e amarelo. Mas a verdade é que na ocasião a diretoria do Mengão combinou uma coisa e depois pipocou pra jogar com os pernambucanos. Portanto a taça é do Leão e ponto final. A de 87, mas a de 2019 é do Flamengo. E merecidamente.

Ah, só acho esse Jesus supervalorizado. Adoraria vê-lo trabalhar esse ano na Chapecoense pra ver teria essa moral toda.

Ah, só acho esse Jesus supervalorizado. Adoraria vê-lo trabalhar esse ano na Chapecoense pra ver teria essa moral toda.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget