Berrio fez apenas 4 jogos completos pelo Flamengo em dois anos

EXTRA GLOBO: Com a quinta lesão sofrida no Flamengo, uma torção no tornozelo direito, o atacante Orlando Berrío segue sem poder dar sequência na equipe. Desde que foi contratado, em 2017, o colombiano atuou por 90 minutos em apenas quatro oportunidades naquele ano.

Duas foram sob o comando de Zé Ricardo (Resende e Chapecoense, em março e junho) e as outras duas na gestão de Reinaldo Rueda (Cruzeiro e Fluminense, em setembro e outubro). Por nenhuma vez jogou uma partida inteira em 2018 e em 2019.

Ainda em 2017, o jogador teve uma grave lesão, no tendão patelar do joelho esquerdo, que o deixou fora de ação até setembro de 2018, após realizar uma cirurgia. No ano passado, Berrio sofreu a primeira contusão no tornozelo direito no clube.

Berrio, atacante do Flamengo - Foto: Alexandre Vidal
Nesta temporada, o problema começou antes dos jogos. Quando a delegação rubro-negra estava em Orlando, na disputa da Florida Cup, Berrío teve um problema na coxa direita e ficou de fora da Taça Guanabara. Ele voltou a atuar no fim de fevereiro. Sempre foi reserva.

Com Jorge Jesus, teve oportunidades ao longo de algumas partidas. O atacante deixou o jogo com a Chapecoense no último domingo com dores no tornozelo direito, realizou exames nesta segunda-feira e não teve constatada uma lesão de maior gravidade, apenas um entorse mais leve.

Berrío iniciou tratamento no Centro de Treinamento do clube, nesta segunda-feira, e não será relacionado para a partida de quinta contra o Atlético-MG, no Maracanã, pelo Brasileiro. A baixa não deve se estender para a sequência de jogos muito menos para o segundo duelo com o Grêmio pela semifinal da Libertadores.

Duas foram sob o comando de Zé Ricardo (Resende e Chapecoense, em março e junho) e as outras duas na gestão de Reinaldo Rueda.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget