Jorge Jesus diz que o Brasileirão 'precisa ser melhor divulgado'

LANCE: O técnico do Flamengo, Jorge Jesus, admitiu que sua equipe apresentou um desempenho abaixo do esperado na vitória por 1 a 0 sobre o CSA, neste domingo, pelo Campeonato Brasileiro, no Maracanã. Segundo o português, porém, ter a capacidade de vencer uma partida sob essa condição é o que coloca o Flamengo no topo do futebol brasileiro em 2019.

- Tivemos várias oportunidades de fazer o 2 a 0 antes de o CSA criar chances de empatar. Tentamos controlar ao máximo o resultado. O Flamengo não vai jogar sempre num nível top. Às vezes, não estaremos bem. Às vezes, o mérito será do adversário. Não fomos tão rápidos hoje (domingo). Este campeonato é muito difícil. Nosso mérito é ganhar mesmo quando não estamos bem. Hoje foi assim. Temos uma caminhada difícil, mas sentimos que estamos mais perto de carimbar o nosso sonho, que é este título - disse o português, que elogiou a qualidade do Campeonato Brasileiro:

- É um campeonato muito bem jogado. Todas as equipes têm bons jogadores.  A equipe do Santos é muito forte, e a do Corinthians também. Há várias equipes que me impressionaram, como a do Bahia. Esse campeonato é muito forte, precisava ser divulgado melhor no estrangeiro. Vejo muita paixão, com estádios cheios.

Treinador Jorge Jesus - Foto: Staff Images
Jorge Jesus também destacou o desempenho do goleiro Diego Alves, que, com três defesas importantes, garantiu o resultado positivo.

- Nas poucas vezes em que o adversário chega perto do gol, o goleiro tem que estar bem. O Diego Alves está numa fase superior - disse o Mister.

Em um momento, o treinador português reclamou do gramado do Maracanã e questionou o fato de o Fluminense ter usado o estádio um dia antes, quando empatou em 1 a 1 com a Chapecoense.

- É impossível ter uma qualidade de jogo com um gramado assim, mas não posso culpar quem cuida do gramado. Não entendo por que o Fluminense joga antes do Flamengo no Maracanã. Poderia jogar amanhã (segunda-feira) - reclamou o treinador.

O Mister despistou quando foi perguntado por um jornalista português sobre quando deixaria o Brasil rumo à terra natal.

- Dificilmente eu vou voltar à Portugal agora. Meu foco é o Flamengo. Já disse isso aos dirigentes. Já realizei o sonho de chegar à final da Libertadores, agora quero realizar os outros sonhos, que são os títulos da Libertadores e do Campeonato Brasileiro. Fui tratado muito bem no Rio. Os torcedores me encantaram. Pensarei no Flamengo até o último dia do contrato (30 de junho de 2020).

Antes de enfrentar o River Plate, da Argentina, na final da Libertadores, em jogo a ser disputado no dia 23 de novembro, no Chile, o Flamengo buscará encaminhar o título brasileiro. Líder, com dez pontos de vantagem sobre o vice-líder Palmeiras, o Rubro-Negro terá o Goiás como próximo adversário na competição. A partida será na quinta-feira, às 20 horas, no Serra Dourada. No primeiro turno, o Fla goleou o time esmeraldino por 6 a 1.

- Eu ainda não conheço o Serra Dourada, mas sei que a torcida do Flamengo é forte lá e dividirá o estádio. Isso nos dará força. As equipes, porém, são outras. Eu não espero um jogo fácil - disse Jesus.

O Flamengo não vai jogar sempre num nível top. Às vezes, não estaremos bem. Às vezes, o mérito será do adversário.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget