Marquinhos diz que Brasília dá sorte para o Flamengo

GARRAFÃO RUBRO-NEGRO: POR ENÉAS LIMA

Colaboração de João Marcelo, direto do ginásio da ASCEB, em Brasília

O Flamengo mantém a sua invencibilidade nessa edição do NBB. Nessa noite, o time rubro-negro venceu o Paulistano em uma partida dramática, decidida nos segundos finais, no ginásio da Asceb, em Brasília. O blog Garrafão Rubro-Negro escutou o ala Marquinhos e o técnico Gustavo De Conti que falaram do desempenho rubro-negro no jogo e nesse início de NBB.

Foto: Divulgação
MARQUINHOS – ALA

A oportunidade de atuar em Brasília e a sorte que a cidade acaba dando ao time

“Brasília acaba dando sorte para o Flamengo. Sempre quando atuamos aqui, nós nos sentimos em casa e a nossa torcida comparece. E nesse duelo contra o Paulistano a história não foi diferente. Foi uma partida muito pegada, nós tínhamos 3 pontos de frente, eles acabaram metendo uma bola de três e acabamos indo para o tudo ou nada. Eu tive a felicidade de converter a cesta da vitória.”

A bola de três decisiva e é a hora que o craque aparece na partida.

“Não é só o craque não. Isso é mérito de todo o time, a gente brigou o jogo todo. Foi uma partida muito difícil para a gente, conversamos sobre isso no vestiário no intervalo, mas a gente foi consciente e sabemos que é no último quarto que se decide o jogo. A gente tem um grupo experiente e sabemos aonde a bola tem que ir. E a gente foi crescendo nos momentos que importa para pegar essa vitória.”

GUSTAVO DE CONTI – TREINADOR

A oscilação do Flamengo mesmo vencendo nesse início de NBB

“O NBB é muito forte e muito equilibrado. E considero anormal a diferença que a gente teve no jogo contra o Minas. Os adversários se equivalem e o mais normal são os jogos serem definidos no final. E ainda bem que está vindo para o nosso lado, a gente está tendo frieza e mostrando jogadores com capacidade para decidir no final.”

A expectativa para o jogo contra o São Paulo na sexta-feira

“Claro que já temos na cabeça o que queremos fazer. Mas mergulhar mesmo no São Paulo é a partir de agora que iremos mergulhar e vamos ver o que eles estão fazendo. Os treinos que eu fiz na semana passada já foram baseados nesses dois adversários que estamos enfrentando nessa semana. Agora só é relembrar, passar o vídeo. Treinar quarta, quinta e ficar ainda mais preparados para o jogo de sexta.”

O baixo aproveitamento nos 3 pontos do Flamengo no inicio do jogo contra o Paulistano

“Não vejo como nervosismo e nem falta de sorte. Vejo como capacidade da outra equipe, o Paulistano é uma equipe que defende bem. Eles vão bem nos rebotes e nos dão poucas chances da nossa equipe arremessar. Isso foi mérito do Paulistano. Contra o São Paulo, a tendência é a gente focar mais na defesa, eles têm uma capacidade ofensiva muito grande. Precisamos colocar a nossa cabeça para na sexta defendermos bem.”

Marquinhos e o técnico Gustavo De Conti falaram do desempenho rubro-negro no jogo e nesse início de NBB.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget