Team oNe negocia assumir a direção do eSports do Flamengo

ESPN: Mesmo após ser rebaixada para a 2ª divisão, a Team oNe pode voltar, de forma indireta, para o Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) na primeira etapa de 2020. Isso porque, conforme apurou o ESPN Esports Brasil, o clube dourado negocia um contrato para gerenciar a equipe de esports do Flamengo.

As informações obtidas pela reportagem mostram que o Flamengo recebeu três propostas e optou por negociar com o responsável que ofereceu ao clube um projeto mais seguro e estruturado. Os executivos Rubro-Negros tratam essa semana como crucial para o fechamento do acordo, o qual ambas as partes esperam que aconteça até a próxima semana.

As fontes ouvidas pelo ESPN Esports Brasil apontaram que o Flamengo adotou uma postura precavida porque muitos detalhes precisam ser vistos antes do “sim”, enquanto Team oNe quer celeridade para não perder os contratos com os atuais jogadores, que estão previstos para terminar no dia 18 de novembro, e fechar patrocínios o quanto antes. Os detalhes sobre os valores do contrato permanecem em sigilo.

Foto: Divulgação
A Team oNe será a responsável por dar continuidade nos planos do Flamengo na área do esporte eletrônico gerenciando jogadores, comissão técnica, preparação e gestão do centro de treinamento, além de coordenar a venda de patrocínios - nos quais ambos os clubes terão participação na divisão de lucros.

O Flamengo, em contrapartida, ficará encarregado da responsabilidade contratual com jogadores e seus direitos de imagem. Vale notar que a vaga do clube no CBLoL não será da Team oNe, mas do Clube de Regatas.

QUAL EQUIPE VAI DISPUTAR?
Sobre a manutenção da atual equipe, o Flamengo passa por uma situação delicada. De acordo com o banco de contratos gerenciado pela Riot Games, os compromissos dos atletas Rubro-Negros vencem em 18 de novembro de 2019.

Luci, conforme noticiado pelo ESPN Esports Brasil no início do mês, não faz mais parte do time. Quem também pode estar de saída é Shrimp, que não têm interesse em renovar com o clube carioca, enquanto brTT, Goku e Robo são jogadores que despertam interesse de outras organizações.

Dessa forma, a equipe coordenada pela Team oNe já busca alternativas dentro e fora do Brasil. Meio da KaBuM, dyNquedo é um dos nomes que podem receber uma proposta assim que o acordo entre Flamengo e Golden Boys for fechado. Ambos os clubes tentarão manter brTT, porém enfrentarão propostas pesadas - já que a paiN é uma das organizações que estão de olho no fim do contrato do atirador mais famoso do Brasil.

FLAMENGO NOS ESPORTS
Atualmente, o Flamengo eSports é gerido pela Go4It, que em abril de 2017 começou investindo na idealizadora do projeto Rubro-Negro, a Cursor eSports, e no início do ano seguinte adquiriu a startup especializada em esportes eletrônicos.

Esta não é a primeira vez que o Flamengo recebe propostas para o licenciamento da marca nos esportes eletrônicos. No início de julho, conforme revelado pelo ESPN Esports Brasil, a Simplicity Esports fez uma proposta ao clube carioca que se aproximava aos R$ 11 milhões por cinco anos.

O acordo previa o Flamengo recebendo anualmente US$ 100 mil de garantia mínima ou 8% da receita bruta (ou seja, 8% de todo o faturamento que a Simplicity arrecadasse com a marca do clube). Esse valor seria mantido até o terceiro ano de contrato, enquanto nos dois últimos passaria para US$ 200 mil anuais. A proposta contemplava ainda um bônus de renovação de contrato no valor de US$ 250 mil após o período de cinco anos e um aumento no valor arrecadado: US$ 300 mil até o 8º ano do acordo, finalizando com US$ 400 mil anuais até o fechamento de um ciclo de 10 anos.

Contudo, a atual diretoria do Flamengo dispensou a proposta feita pela organização norte-americana que tem como um dos fundadores o dono da franquia da NBA Memphis Grizzlies, Jed Kaplan. As informações obtidas pela reportagem mostram que as partes vinham negociando desde março. Se o acordo tivesse ido para frente, a Simplicity seria a responsável pela gestão das equipes e se tornaria a principal parceira do Rubro-Negro nos esports, carregando a camisa do Flamengo para as mais diversas competições internacionais.

O ESPN Esports Brasil procurou o Flamengo, que respondeu ainda não ter “informações oficiais sobre sobre o planejamento para o próximo ano”. O clube diz ainda que “em breve, provavelmente mês que vem, teremos novidades”. A reportagem também entrou em contato com Team oNe, que informou que "não tem nenhuma negociação em andamento".

A possível parceria entre Flamengo e Team oNe, no entanto, pode não ser aceita pela Riot Games tendo em vista que o regulamento válido para a temporada competitiva 2019 diz, no artigo 3.5.5, que “uma organização rebaixada de uma liga, CBLoL ou CD, deve permanecer fora da liga da qual foi rebaixada por, no mínimo, uma Etapa completa - salvo quando duas equipes da mesma organização trocarem de ligas ao mesmo tempo, por meio do processo de Promoção e Rebaixamento”.

Como a Team oNe foi rebaixada diretamente para a edição do Circuito Desafiante que abre 2020 por terminar na última colocação da última etapa, o ESPN Esports Brasil procurou a Riot Games questionando se o clube poderá coordenar o Flamengo no início da próxima temporada. Por meio da assessoria de imprensa, a desenvolvedora informou que, “até o momento, não fomos informados oficialmente sobre qualquer transação envolvendo os times do CBLoL”.

É importante mencionar que a própria Go4It já gerenciou duas equipes de League of Legends. No segundo semestre do ano passado, quando o Flamengo já estava no CBLoL, a empresa gerenciou o Submarino Stars, time liderado por YoDa e que conseguiu se classificar para a segunda etapa daquele ano do Circuito Desafiante. Mas, com uma formação totalmente diferente, acabou sendo rebaixada e deu uma pausa nos esports.

O Flamengo recebeu três propostas e optou por negociar com o responsável que ofereceu ao clube um projeto mais seguro e estruturado.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget