Time e poder financeiro do Flamengo assusta argentinos

UOL: Decepções e vexames parecem ser página virada na relação entre Flamengo e Copa Libertadores. Prova disso é que a goleada sobre o Grêmio, na semifinal, ganhou as manchetes pela América do Sul e causou preocupação, inclusive, no River Plate (ARG), atual campeão e adversário da final. A boa fase também na questão financeira é lembrada pelos rivais.

A decisão pela taça do torneio sul-americano será no dia 23, em jogo único a ser realizado em Santiago, no Chile.

"É uma equipe enorme", foi a maneira usada por Rodolfo D'Onofrio, presidente do River Plate, para se referir ao Flamengo, em entrevista reproduzida pelo jornal argentino "Olé", logo após o time rubro-negro assegurar vaga na disputa pelo título.

"É um grande rival que teremos e, pela maneira como os dois jogam, será uma final muito agradável. Além de que tomarão precauções lógicas de partidas decisivas", disse, em entrevista à 'A Rede'.

Jogadores do Flamengo comemorando - Foto: Marcelo Cortes
D'Onofrio lembrou também a diferença econômica entre os clubes, salientando as cotas de TV.

"Eles cobram 50 milhões de dólares pela televisão (cerca de R$ 200,4 milhões) e nós cobramos três (aproximadamente R$ 12 milhões)", avaliou.

Vale lembrar que, no Campeonato Brasileiro, a cota de TV é variável e, somando-se ao Carioca e Copa do Brasil, o valor deve bater nesta casa.

Uma matéria publicada no "Olé" na última quinta-feira também ressalta a questão dos recheados cofres rubro-negros, apontando ainda a venda de Vinicius Júnior e Lucas Paquetá, crias da Gávea, que envolveram altas cifras - o primeiro, por cerca de R$ 164 milhões e o segundo, por aproximadamente R$ 150 milhões, ficando R$ 100 milhões no clube.

"Depois de ter vendido a figuras como Vinícius Júnior e Lucas Paquetá na temporada passada, a Fla acrescentou cerca de 80 milhões euros para seus cofres e optou por se fortalecer fortemente e tentar ganhar sua segunda Copa da história. Com figuras muito valiosas, a equipe brasileira tem um elenco de destaque: Gabriel Barbosa, De Arrascaeta, Filipe Luís, Éverton Ribeiro e Rafinha são algumas das estrelas da equipe que destruiu o Grêmio e agora passa pelo Rio", diz trecho do texto publicado.

A classificação do Flamengo à final ganhou manchetes também em outros países, e com elogios ao time do técnico Jorge Jesus. "Flamengo, a super equipe que o River precisa vencer" e "Flamengo assusta e River intimida, uma final de Libertadores em alto nível" foram alguns títulos dados pelos portais.

Uma matéria publicada no "Olé" na última quinta-feira também ressalta a questão dos recheados cofres rubro-negros.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget