Flamengo de Jorge Jesus encerra mais um jejum

LANCE: Com um gol de Lincoln, aos 44 minutos da etapa final, o Flamengo superou o Botafogo no Nilton Santos, pela 31ª rodada do Brasileiro, e manteve a distância para o Palmeiras, vice-líder, em oito pontos. Foi a 18º jogo do time - cada vez mais próximo do título - sem perder no torneio. São 16 vitórias e dois empates.

O resultado ajudou o time de Jorge Jesus a quebrar uma série de escritas e dar mais sinais ao torcedor de que o "hepta" é possível. Confira outros destaques.

ASSIM COMO EM 2009...

A campanha da equipe de Jorge Jesus já é motivo para o torcedor acreditar no título brasileiro. Mais do que isso, as coincidências estão "a favor" do rubro-negro mais supersticioso. Antes do jogo desta quinta-feira, a última vitória do time da Gávea sobre o Botafogo, como visitante pelo Campeonato Brasileiro, havia sido em 2009, ano do Hexa.

Na ocasião, o clássico foi no Estádio Nilton Santos, pela 31ª rodada - como nesta quinta - e o Flamengo venceu o Alvinegro por 1 a 0, com gol de Adriano. O placar repetiu-se e quem marcou foi Lincoln, atacante revelado pelo clube, assim como o  Imperador.

Jogadores do Flamengo com a torcida no Engenhão - Foto: pedro Martins
MAIOR SÉRIE INVICTA DA HISTÓRIA!

Com o resultado desta quinta, o Flamengo chegou aos 18 jogos de invencibilidade no Campeonato Brasileiro. São 16 vitórias e dois empates. Agora, o time de Jorge Jesus é o recordista na história do clube em edições do Campeonato Brasileiro desde 1971. A atual equipe deixou para trás o esquadrão comandado por Zico, que, em 1980, havia ficado 17 partidas sem perder antes de conquistar o título nacional daquele ano.

MAIOR PONTUAÇÃO NOS PONTOS CORRIDOS

O triunfo levou o Flamengo aos 74 pontos na tabela, estabelecendo - com sete rodadas a serem disputadas - a melhor pontuação da história do clube em edições do Campeonato Brasileiro de pontos corridos. A competição é disputada por 20 clubes na Série A desde 2006. Até então, a melhor campanha do Rubro-Negro no torneio havia sido em 2018: com 72 pontos, o time da Gávea foi vice-campeão atrás do Palmeiras, com 80.

NÃO CAIU NA 'PILHA' DO RIVAL

O clássico foi marcado pela marcação dura do Botafogo, a qual o técnico Jorge Jesus classificou como "caça ao homem" e um time que não "veio jogar, apenas bater". Como o próprio Mister destacou, o Flamengo, por mais que tenha se imposto fisicamente durante a partida, não entrou na "pilha" do adversário. O clima hostil de fora de campo, entre as torcidas, certamente "inflamou" o jogo.

'SEM NOTA ARTÍSTICA'

Dentro de tais circunstâncias - atuando fora de casa, com torcida contra e uma equipe "agressiva", como citou o Mister -, o Flamengo não repetiu o grande desempenho de outros jogos, como contra o Corinthians. Contudo, mostrou força para buscar três pontos difíceis. Assim já havia sido contra o Fortaleza, por exemplo. Sinais de uma equipe que se mostra preparada para conquistar títulos no ano.

O resultado ajudou o time de Jorge Jesus a quebrar uma série de escritas e dar mais sinais ao torcedor de que o "hepta" é possível.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget