Técnico do Liverpool rasga elogios ao time do Flamengo

TORCEDORES: Se antes o treinador do Liverpool, Jürgen Klopp, afirmou que não conhecia o Flamengo, adversário do time inglês na final do Mundial de Clubes, hoje, em entrevista coletiva antes decisão, o técnico admitiu que conseguiu ver algumas partidas da equipe carioca e rasgou elogios ao time e ao treinador Jorge Jesus.

“Não sei se posso julgar, depois de ver algumas horas do Flamengo jogando. Sei o que esperar do Flamengo. É um estilo muito organizado. Jorge Jesus mudou a sorte e muitas outras coisas quando chegou. Trouxe novos jogadores para a zaga. É um time muito bem estabelecido, todos sabem o que precisam fazer, existem formas diferentes de”, disse Klopp.

“São rápidos, criativos no meio de campo, abusados nas laterais. Os cruzamentos por cima, por baixo. Chutam a gol de tudo que é lugar. É assim que um time de sucesso joga. E não estão mais acostumados a perder, pois não perderam muito desde que Jorge Jesus chegou. Então, é o que sabemos sobre o Flamengo. Nunca joguei contra um time brasileiro, mas o Flamengo nunca jogou contra um time como o Liverpool, então estou ansioso para saber como será”, completou.

Foto: Reprodução
Sobre a importância que os clubes da Europa dão ao Mundial, o treinador do Liverpool afirmou que pretende mudar esse conceito de que a Liga dos Campeões é mais importante.

“Estamos aqui e nós queremos ganhar a competição, mesmo sabendo que vai ser muito difícil porque o nosso oponente é muito bom. Eu quero mudar o ponto de vista de que vencer na Europa é melhor. O torcedor do Liverpool quer que a gente vença. Você viu como o Monterrey lutou na partida, quanto insistiu e amanhã vai ser maior. Para nós é especialíssimo”, afirmou Klopp.

O treinador afastou o favoritismo do Liverpool para a final.

“A impressão que tive é muito positiva. Nós respeitamos com nossa atitude em campo. Não estamos aqui como campeões europeus e com a intenção de mostrar que somos superiores, mas queremos ganhar. Nós não estamos mal e nada está decidido. Temos as mesmas chances. É a questão de achar as soluções na partida com as suas peças. Não é questão de jogadores individuais, mas eles ajudam”, concluiu.

Jürgen Klopp admitiu que conseguiu ver algumas partidas da equipe carioca e rasgou elogios ao time e ao treinador Jorge Jesus.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget