Trio de ataque do Flamengo é personificação do momento do clube

LANCE: Não é novidade que o Flamengo de Jorge Jesus é incansável e insaciável. O time do técnico português deu diversos exemplos disso nos últimos cinco meses. Mas a vitória por 3 a 1 sobre o Palmeiras, neste domingo, no Allianz Parque, foi um dos triunfos que mais deixaram explícito esse ímpeto do time rubro-negro.

Mesmo sem disputar mais nada no Campeonato Brasileiro, já com o título nas mãos, o técnico Jorge Jesus parece não querer deixar brechas para dúvidas sobre o seu trabalho - se é que ainda existem. Assim, não poupa seus jogadores, não diminui o ritmo e segue colecionando recordes e quebrando tabus. E a melhor representação desse momento é o seu trio de ataque. Arrascaeta, Gabigol e Bruno Henrique mostram entrosamento e qualidade de sobra dentro de campo, se tornando símbolos do Flamengo no Campeonato Brasileiro.

Jogadores do Flamengo comemorando gol contra o Palmeiras no Allianz - Foto: Pedro Martins
EFETIVO

Mesmo jogando fora de casa, o Flamengo, como se sabe, não muda seu estilo de jogo vertical. E foi assim que o time conseguiu abrir o placar logo aos 4 minutos de jogo, na sua primeira chegada, com Arrascaeta.

Mesmo em alguns momentos sem a mesma intensidade, o Flamengo foi efetivo nas suas finalizações. Segundo o Footstats, o time acertou a direção do gol em oito das suas nove finalizações. O que explicar a grande atuação do goleiro Jailson, do Palmeiras, mesmo sofrendo três gols.

TRIO DECISIVO

O primeiro gol do Flamengo teve a participação completa do seu trio mais decisivo na temporada: Bruno Henrique, Gabigol e Arrascaeta. O primeiro deu um ótimo passe para Gabigol, que só rolou para o uruguaio empurrar para o gol. No segundo gol, o Arrascaeta retribuiu e deu a assistência para Gabigol, que também marcou o terceiro. Neste temporada, o trio soma 92 gols no total.

ARTILHEIRO

É difícil escolher "o cara" do Flamengo no Campeonato Brasileiro. Pelos gols, Bruno Henrique e Gabigol disputariam essa posição. Mas o segundo já tem um recorde para chamar de seu. Com os dois gols marcados neste domingo, Gabigol chegou a 24 e se tornou o maior artilheiro de uma edição do Brasileiro disputado por pontos corridos com 20 times (ou seja, desde 2006).

MAIS RECORDE...

Já com o título em mãos, restou ao Flamengo quebrar recordes e acabar com tabus neste Campeonato Brasileiro, enquanto se prepara para o Mundial de Clubes. E, neste domingo, o Rubro-Negro quebrou mais alguns: Chegou a 80 gols e passou a ter, isoladamente, o meio ataque da história do Brasileiro por pontos corridos (antes, com 77, estava empatado com o Cruzeiro de 2003).

E MENOS UM TABU!

Depois de acabar com o jejum de 45 anos sem vencer o Athletico-PR, na Arena da Baixada, e com o tabu de nunca ter vencido o Grêmio em sua Arena, em Porto Alegre, a vitória neste domingo acabou com outro tabu: o de ainda não ter vencido o Palmeiras no Allianz Parque. Eram quatro jogos, com duas derrotas e dois empates.

Arrascaeta, Gabigol e Bruno Henrique mostram entrosamento e qualidade de sobra dentro de campo, se tornando símbolos do Flamengo.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget