Campeão da Copinha pelo Inter revela inspiração em Rafinha

LANCE: Após 22 anos, o Internacional voltou a marcar presença na final da Copa São Paulo de Futebol Júnior, porém essa teve um gosto especial, afinal encarou o rival Grêmio. Com o empate em 1 a 1, o título foi decidido nos pênaltis e o Colorado venceu por 3 a 1, conquistando a taça da principal competição das categorias de base no Brasil.

Um dos destaques da equipe, Lucas Mazetti acredita que o elenco entrou para a história, já que o clube não vencia o título há 22 anos. Além disso, também ressalta que vencer contra o Tricolor Gaúcho é diferente.

'Foi um momento incrível. Depois de 22 anos que o Internacional não chegava em uma final de Copa São Paulo, posso dizer que fizemos história. Conseguir vencer o título contra o nosso maior rival foi melhor ainda', comentou o atleta.

Foto: Divulgação
Lucas começou a carreira como ponta-direito e passou a ser testado como lateral-direito. Com o bom desempenho ofensivo, o jovem jogador passou a melhorar defensivamente, equilibrando suas qualidades. Ele revela que tinha incertezas em mudar de posição, mas crê em boa evolução profissionalmente e isso pode ajudar em possíveis oportunidades.

'Há uns três meses comecei a jogar como lateral-direito e posso dizer que no meio deste período tive algumas incertezas, mas o tempo foi passando e percebi que eu poderia ter uma grande oportunidade de atuar bem nessa área do campo. Espero cada vez mais evoluir, sempre buscando um bom desempenho para quando a oportunidade surgir, conseguir aproveitar da melhor maneira possível', disse o lateral.

Quem cuida da carreira do Mazetti é Ricardo Scheidt, mesmo empresário de Rafinha, do Flamengo. O atleta do Inter afirma que passou a analisar mais os jogadores de sua nova posição, se inspira e é amigo do lateral rubro-negro.

'Desde que passei a jogar como lateral-direito, passei a observar mais os grandes jogadores que atuam nesta posição atualmente. Posso dizer que hoje tenho como referência o Rafinha, do Flamengo, que é meu amigo, pois é um atleta que sempre está jogando em alto nível, tanto na Europa quanto no Brasil. ', revela Lucas.

Agora, o campeão da Copinha vive a expectativa de subir ao time principal do Internacional, onde na lateral-direita tem apenas Heitor e Rodinei, recém-contratado. Apesar da concorrência, Mazetti ressalta que o objetivo principal é estar no elenco profissional do clube.

'Heitor e Rodinei são dois grandes jogadores, sem dúvida alguma. Meu objetivo no momento é tentar subir para a equipe principal e estar entre eles', concluiu.

Quem cuida da carreira do Mazetti é Ricardo Scheidt, mesmo empresário de Rafinha, do Flamengo.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget