Como o Flamengo passou a revelar tão bem na última década

YAHOO: Nos últimos cinco anos, o Flamengo passou a revelar jogadores em maior número e melhor qualidade. Com talentos e vendas destacáveis, a equipe carioca pôde oferecer mais minutos aos jovens e, de modo consequente, recuperar sua saúde financeira. Fruto da reformulação ocorrida em 2011 e da padronização do modelo de jogo das categorias de base desde 2018, o atual campeão brasileiro colhe os frutos plantados há 9 anos.

Hoje gerente de transição, Carlos Noval chegou em 2010 e remodelou a base do clube. Independentemente de idade ou equipe, o time passou a captar mais atletas em início de carreira, além de proporcionar melhor estrutura para treinamento. Tendo disputado três decisões da Copa São Paulo de Futebol Júnior desde a chegada do dirigente, era questão de tempo até que as oportunidades surgissem.

Foto: Divulgação
Com o projeto já sólido, o Rubro-Negro, em 2015, ao vender Samir à Udinese, da Itália, por R$ 8 milhões, entendeu que o momento de valorizar as joias do Ninho do Urubu havia chegado. Dois anos após a venda do zagueiro, o lateral-esquerdo Jorge foi o alvo do futebol europeu ao ter, por R$ 29,8 milhões, o Monaco, da França, como destino. Ainda na mesma temporada, a gestão do ex-presidente Eduardo Bandeira de Mello vendeu Vinicius Júnior ao Real Madrid pelo valor de R$ 164 milhões. Foi, após Neymar, em 2013, a segunda maior transferência da história do futebol brasileiro.

Não demorou muito para o Flamengo se tornar, novamente, alvo do futebol europeu. Em 2018, Felipe Vizeu, em janeiro, foi vendido para a Udinese pelo valor de R$ 20 milhões. 9 meses após a ida do atacante, Lucas Paquetá, por R$ 146 milhões, se encaminhou para o Milan, da Itália. Para Rodrigo Coutinho, analista tático do Yahoo Esportes, Paquetá foi, tecnicamente, o melhor jogador que o clube revelou pós-Noval:

“Vinicius Júnior é um jogador muito rápido, muito habilidoso, mas tem fundamentos para aprimorar na parte técnica. O Paquetá eu vejo mais maturado. Finaliza melhor, tem o último passe melhor, tem o drible mais apurado. Ele pode jogar de meia central, de segundo volante, em várias funções”, pondera.

No último ano, a gestão do atual presidente Rodolfo Landim realizou as primeiras grandes vendas de jogadores provenientes das categorias de base do Flamengo. Em junho, o meio-campista Jean Lucas, após positiva passagem pelo Santos, transferiu-se ao Lyon, da França, por R$ 34 milhões. No mês de julho, o zagueiro Léo Duarte, que estava no elenco desde 2016, foi vendido pelo valor de R$ 43 milhões ao time do Milan.

Com a soma de 15 jogos disputados e 6 gols marcados pela equipe profissional, Reinier é, ao que tudo indica, o próximo a se despedir do Rio de Janeiro. Apalavrado com o Real Madrid, da Espanha, é questão de tempo para que o Rubro-Negro anuncie a venda de um dos brasileiros mais promissores da última década. A transferência deve ser fechada por, aproximadamente, R$ 136 milhões, fazendo com que os cariocas, somente entre os atletas citados, assegurem R$ 580,8 milhões.

Protagonizando as janelas de transferências mais recentes, o Flamengo, além de ter aprimorado a metodologia de formação, foca cada vez mais no projeto a longo prazo. Para isso, o clube, em 2018, ainda sob o comando de Bandeira de Mello, estabeleceu, através de uma consultoria, um padrão para o estilo de jogo das próximas gerações. O manual formalizado pela Double Pass consiste, resumidamente, em criar a identidade do clube. Em pouco mais de 300 páginas, o documento definiu um caráter propositivo dentro de campo, didatizou treinamentos e conceitos, além de ter ressaltado a parte individual e psicológica do jogador.

Diante de elaborada e minuciosa proposta, a capacidade para revelar jogadores cada vez melhores aumenta. Dentre os desafios para o futuro, segurar os jovens por mais tempo é, para Rodrigo Coutinho, o principal objetivo do clube:

“Eu acho que o Flamengo vendeu bem todos esses jogadores. Se o clube continuar nesse papel de austeridade, tentando ser mais pé no chão, eu acho que daqui 5 ou 6 anos vai conseguir segurar jogadores que são cobiçados pelo futebol europeu”, conclui.

Diante de elaborada e minuciosa proposta, a capacidade para revelar jogadores cada vez melhores aumenta.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget