Jesus entrosa titulares, mas faz reforços terem poucos minutos

UOL: Clube que foi com mais apetite às compras no mercado da bola, o Flamengo ainda não conseguiu dar rodagem a muitos dos reforços badalados que contatou para a atual temporada, e já tem uma taça para disputar no domingo, a Supercopa do Brasil, contra o Athletico-PR, em Brasília.

Com a opção de Jorge Jesus em usar de cara boa parte dos titulares que conquistaram em 2019 o Brasileiro e a Libertadores, nomes como Thiago Maia e Pedro Rocha ainda não somaram um minuto sequer com a camisa rubro-negra em campo.

Dentre as novidades que chegaram para 2020, o zagueiro Gustavo Henrique foi o mais testado até aqui. Com três jogos completos, o camisa 2 foi incorporado ao time titular após a saída de Pablo Marí para o Arsenal e a lesão de Rodrigo Caio.

Pedro Rocha em treino no Flamengo - Foto: Marcelo Cortes
Outro defensor contratado neste ano, Léo Pereira, ex-Athletico-PR, vem abaixo nesta lista. Também beneficiado pela ausência dos dois, ele tem duas partidas (180 minutos) disputadas pelo Rubro-Negro. Com lesão na coxa esquerda, o atleta, no entanto, não foi relacionado para o jogo contra sua ex-equipe.

Alternativas para o ataque, Pedro (37 minutos) e Michael (69 minutos) trabalham por mais quilometragem no time do Mister, que reassumiu o comando do Fla neste ano há três partidas apenas --antes, Maurício Souza estava trabalhando com garotos do sub-20 e jogadores complementares do elenco. Tanto Pedro como Michael têm sido lançados no segundo tempo.

"Estou colocando jogadores que têm mais conhecimento da ideia da equipe. Restam jogadores, mas só podem jogar 11", disse o técnico Jorge Jesus.

A tendência, no entanto, é que a sequência de partidas resulte em um rodízio natural do grupo. Ainda que 2019 tenha sido inesquecível para os rubro-negros, a cúpula do clube entendia que havia a necessidade de acirrar a competição no elenco.

Supercopa na mira
Classificado para a final da Taça Guanabara, o Flamengo vira suas atenções para a disputa da Supercopa. No domingo (16), a equipe encara o Athletico, às 11h, no Mané Garricha. Jesus tem tratado a decisão como uma conquista importante e entende que um troféu logo no início da caminhada pode ter impacto positivo. Caso vença os paranaenses, o clube embolsará R$ 5 milhões. Da capital, a delegação segue para Quito (EQU), local da partida de ida contra o Independiente del Valle, pela Recopa Sul-Americana.

Dentre as novidades que chegaram para 2020, o zagueiro Gustavo Henrique foi o mais testado até aqui.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget