Léo Pereira diz que Athletico se prepara mais contra o Flamengo

COLUNA DO FLA: Léo Pereira foi oficialmente apresentado como jogador do Flamengo na tarde desta terça-feira (04), no Ninho do Urubu, e a felicidade em vestir o rubro-negro ficou evidente na coletiva. Questionado sobre a sensação de jogar no clube, o zagueiro afirmou ser um privilégio e relembrou contatos antigos do Fla para a sua contratação.

– É um privilégio muito grande estar vestindo a camisa do Flamengo, é um lugar onde eu tinha um desejo muito grande de estar. Como o (Marcos) Braz falou, não foi possível em um outro momento, mas agora se concretizou e estou feliz -, disse o novo reforço, prosseguindo:

– Com certeza foi um salto muito grande e isso eu fico muito feliz, porque era o que eu planejava. É um sonho e, como eu falei, queria estar desde o ano passado e não foi possível, mas agora eu estou vestindo essa camisa gigante.

Léo Pereira - Foto: Paula Reis
Para o zagueiro, vindo do Athletico Paranaense, jogar contra o Mais Querido, gerava uma necessidade de se preparar e se doar mais do que contra outros adversários.

– A percepção que eu tinha lá é que sempre quando a gente vinha enfrentar o Flamengo, a gente tinha que se preparar mais ainda do que contra outros adversários. A gente sabia da qualidade do que íamos enfrentar. Tínhamos que dar o nosso melhor na semana, porque como todos sabem, o Flamengo foi a melhor equipe do Brasil e da América Latina, e a gente tinha que se preparar ao máximo para tentar neutralizar, declarou.

Léo completou falando sobre a necessidade que sente em se adaptar o quanto antes, pois a equipe já tem um entrosamento:

- Essa é uma equipe que tem um entrosamento muito grande, é nítido. A gente tem que entrar nesse barco e se adaptar o mais rápido possível. Muitos jogadores vêm e dão um toque da forma que o Mister gosta. Então, isso ajuda bastante, disse.

Léo Pereira tem vínculo com o Flamengo até dezembro de 2024 e pode fazer sua estreia contra o Madureira, no próximo sábado (08), na última rodada da Taça Guanabara, às 18h (horário de Brasília), no Maracanã.

Para o zagueiro, vindo do Athletico Paranaense, jogar contra o Mais Querido, gerava uma necessidade de se preparar e se doar mais.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget