Pedro vira 'sombra' para Arrascaeta no Flamengo

GOAL: Foi na reapresentação de Gabriel Barbosa como jogador do Flamengo, desta vez em definitivo, que surgiu com maior força o termo “sombra” em relação à disputa por um lugar no ataque com Pedro, anunciado dias antes como reforço para 2020. Na ocasião, o artilheiro dos últimos dois Brasileirões e herói do Fla no título da Libertadores garantiu que se houvesse alguém para se preocupar com isso, seriam os adversários.

De fato, é o que tem acontecido. Desde a estreia do time principal, Gabigol e Pedro fizeram quatro dos cinco gols anotados pelo Flamengo nas partidas que tiveram Jorge Jesus na área técnica – contra Resende e no último sábado (08) sobre o Madureira.

Pedro, do Flamengo, mostrando o número quatro - Foto: Paula Reis
A disputa entre os atacantes virou até brincadeira entre Gabigol e Pedro em uma das comemorações feitas no último fim de semana. Mas isso não quer dizer que não exista uma sombra. E ainda que o corte de dois jogos não permita análises mais aprofundadas, o bom início do jovem emprestado pela Fiorentina acaba colocando uma sombra sobre outro jogador rubro-negro: o meia Giorgian De Arrascaeta.

Pedro ainda não foi titular do Flamengo na atual temporada. Saiu do banco de reservas duas vezes, ambas para entrar na vaga do meia uruguaio – líder de assistências no último Brasileirão.
Quando Pedro entra em campo, passa a ser o jogador mais avançado e centralizado de ataque. Gabigol, desta forma, recua, circulando mais no entorno da área e pelos lados. O histórico de sua carreira já mostrava um bom aproveitamento nesta função, e o início de parceria com Pedro também vai atestando isso.
Hoje, se a chegada de Pedro causou alguma sobra no elenco comandado por Jorge Jesus foi sobre Arrascaeta –  lembrando que a chegada de Michael também aperta o calo de Everton Ribeiro e do próprio Arrascaeta. Mas ainda há muito caminho a ser percorrido.

Entre luzes e sombras, o Flamengo começa 2020 mantendo, dentro de campo, a imagem de favorito a tudo o que disputa.

Ele saiu do banco de reservas duas vezes, ambas para entrar na vaga do meia uruguaio – líder de assistências no último Brasileirão.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget