Experiências passam e lateral direita passa a preocupar Flamengo

UOL: Problemas de lesões e o calendário apertado do futebol brasileiro podem fazer com que o Flamengo volte a olhar o mercado em busca de reforços. Desta vez, a diretoria não descarta a chegada de um lateral-direito, mudando o que havia indicado no início da temporada.

Após o título da Recopa Sul-Americana, no fim de fevereiro, Marcos Braz, vice-presidente de Futebol do Rubro-Negro, chegou a classificar como 'conversa fiada' as especulações quanto à chegada de um novo lateral-direito para o elenco.

"Conversa fiada, lateral-direito estão os dois aí, os dois são campeões. Os laterais estão aí, entendeu? Hoje não é dia nem de falar disso. O Flamengo acabou de ser campeão, vou falar de lateral?", disse o dirigente, na ocasião.

Foto: Alexandre Vidal
Porém, recentemente, Rafinha e João Lucas, opções para o setor, sofreram com lesões e a posição passou a ser uma 'pedra no sapato' para o técnico Jorge Jesus, que admite, hoje, se tratar de uma "preocupação".

No clássico com o Botafogo na última semana, por exemplo, o atacante Berrío teve de atuar improvisado, o que pode voltar a acontecer contra a Portuguesa, sábado, pelo Campeonato Carioca. Ao indicar tal mudança, o treinador ressaltou o tempo de recuperação que se deve ter entre uma partida e outra.

"É verdade que é uma preocupação no momento. É um setor da equipe que nos deixa apreensivo. Não só pela diferença grande do Rafinha para os outros, mas agora também pela lesão do menino [João Lucas]. Sábado não há tempo para recuperar e o Berrío que vai para o jogo. Temos de achar soluções", apontou, após a vitória sobre o Barcelona de Guayaquil, do Equador, ontem (11), pela Libertadores.

Marcos Braz, por sua vez, não excluiu a possibilidade de um novo nome para a posição chegar em breve:

"O Flamengo sempre esteve em busca de fortalecer o elenco. Não foi possível em dezembro, talvez seja possível um pouco mais à frente".

Em 2019, em certo momento, o Flamengo chegou a ter quatro opções para a ala direita: Rafinha, Pará, Rodinei e João Lucas. Em agosto, Pará foi negociado com o Santos. Na última janela de transferência, Rodinei acertou com o Internacional.

Rafinha e João Lucas, opções para o setor, sofreram com lesões e a posição passou a ser uma 'pedra no sapato' para o técnico Jorge Jesus.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget