Funcionária é afastada do Flamengo com suspeita de coronavírus

GLOBO ESPORTE: Uma funcionária que trabalha no marketing do Flamengo está com suspeita de ter contraído o Coronavírus. Anyelli Silva, de cerca de 20 anos, foi afastada do trabalho e aguarda o resultado do exame em casa. O primeiro atendimento a ela foi feito no hospital Miguel Couto, na Gávea. A unidade recomendou que ela fique cinco dias em casa, caso o diagnóstico não seja positivo.

A funcionária trabalha com atendimento a sócios-torcedores. Em dias de jogos, faz a recepção aos torcedores que vão ao Maracanã, nas ações conhecidas como "match day". Segundo pessoas ouvidas no clube, ela está afastada de suas atividades desde o último sábado, dia do jogo contra o Botafogo.

Foto: Divulgação
Se confirmado, ela seria o segundo caso (suspeito) da doença no Flamengo. O outro é do vice-presidente de Embaixadas e Consulados, Maurício Gomes de Mattos, de 57 anos. Ele está internado em Brasília e aguarda o resultado do exame.

Mattos esteve recentemente na Espanha, em viagem com o presidente do clube, Rodolfo Landim, o vice de marketing, Gustavo Oliveira e outros dirigentes. Na viagem, visitaram o Real Madrid, clube que entrou em quarentena nesta semana depois da confirmação de um caso de Covid-19 em um jogador de basquete. Em Brasília, jantou na companhia do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia.

Algumas publicações já confirmam o diagnóstico de Mattos. As informações seriam de que ele teria feito um primeiro exame, com resultado positivo. E agora aguarda o resultado da contra-prova.

O blog conversou com o dirigente que disse que está bem, apenas aguardando o diagnóstico definitivo. Anyelli está com sintomas normais de gripe, sem gravidade.

Se confirmado, ela seria o segundo caso (suspeito) da doença no Flamengo.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget