Botafogo já admite perder Marcinho para o Flamengo

TORCEDORES: Por Wilson Pimentel

O Botafogo está irritado com a falta de respostas de Marcinho durante a negociação pela improvável renovação do contrato atual, a vencer no fim de 2020. O Alvinegro conversou com o lateral-direito na última semana, melhorou as condições, mas não chegou a um consenso. Dessa forma, solicitou uma contraproposta para os empresários do atleta.

A negociação é complexa e a diretoria reconhece a chance real de perder Marcinho de graça em dezembro. Por isso, o jogador de 23 anos pode assinar um pré-contrato para sair de graça a partir de junho. De acordo com o portal de transparência do Botafogo, o clube é detentor de 100% dos direitos econômicos do atleta.

O Botafogo apresentou uma proposta de aumento salarial que não foi considerada boa por Marcinho. Os empresários Bruno Paiva e Marcelo Goldfarb, que representam Paolo Guerrero, e Gustavo Scarpa, são conhecidos por fazer seus atletas forçarem transferências, estão oferecendo o lateral para vários clubes brasileiros entre eles o Flamengo e o Internacional.

“A gente sente do jogador e dos empresários que não gostaria de renovar com o Botafogo, mas eles não abrem o jogo. Agora, fica difícil conversar quando o outro lado não está disposto a negociar. É só cumprir o contrato até o fim do ano e ir para onde quiser. Não vamos impedi-lo de sair. Pode assinar pré-contrato no meio do ano e ir para onde quiser”, disse Carlos Augusto Montenegro em contato com o Torcedores.com.

Foto: Divulgação
Marcinho concedeu entrevista recentemente ao “Esporte Interativo” e adotou tom apaziguador. Posteriormente, evitou falar sobre o assunto.

“É uma parte que querendo ou não, não é comigo, é com meus empresários e com meu pai. Essa parte eu deixo com ele. Prefiro focar no meu corpo e na minha recuperação, como estou me sentindo e como vou me sentir. Estamos tratando com maior carinho, amo o Botafogo. Essa é a linha que a gente vai seguir e estamos conversando”, revelou.

Assédio do Flamengo agita bastidores do Botafogo

Carlos Augusto Montenegro não esconde a irritação com o impasse criado por Marcinho. Porém, há dentro do Botafogo quem defenda que o contrato seja renovado a todo custo. Por outro lado, o Flamengo tem intensificou o assédio sobre o lateral. A diretoria rubro-negra não esconde que busca um jogador para a posição após a ida de Rodinei para o Internacional.

A rivalidade em campo tem um peso menor do que o conturbado relacionamento entre os dois clubes nos bastidores. Os dirigentes não se entendem desde que Willian Arão trocou o Botafogo pelo Flamengo em 2016. Apesar disso, Marcinho é avaliado pelo rival como uma oportunidade de mercado.

O Flamengo adotou a seguinte estratégia para tentar contratar Marcinho: a diretoria seduz o atleta, promete luvas altas, cláusulas vantajosas, apresenta um projeto de carreira e depois dá o bote. Foi assim que o clube conseguiu contratar neste ano Gustavo Henrique, Léo Pereira, Michael, Pedro, Pedro Rocha e Thiago Maia.

O Torcedores.com fez um balanço dos momentos de tensão entre Botafogo e Flamengo envolvendo jogadores nos últimos anos. Confira!

Willian Arão
O Botafogo tentou renovar o contrato de Willian Arão em 2015. O jogador foi um dos destaques na conquista da Série B do Campeonato Brasileiro de 2015. Porém, o Flamengo atravessou a negociação e levou o volante para a Gávea. Logo depois, o caso foi parar na Justiça do Trabalho.

Claiton
Foi pivô de uma briga entre Bebeto de Freitas e Márcio Braga. Porém, o presidente do Flamengo não recuou e autorizou a negociação. Dessa forma, Claiton foi contratado após se destacar pelo Botafogo no Campeonato Brasileiro de 2006. O jogador, no entanto, teve passagem discreta com a camisa rubro-negra.

Iranildo
Iranildo foi peça importante do Botafogo na conquista do Campeonato Brasileiro de 1995. Carlos Augusto Montenegro tentou mantê-lo no clube após a competição. Porém, o presidente do Flamengo, Kléber Leite, negociou diretamente com Elias Duba, mandatário do Madureira, a compra dos direitos do jogador.

O Flamengo seduz o atleta, promete luvas altas, cláusulas vantajosas, apresenta um projeto de carreira e depois dá o bote.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget