Dirigente do Palmeiras diz que o Flamengo copiou o alviverde

TORCEDORES: O gerente de futebol do Palmeiras, Cícero Souza, participou de uma live no canal do jornalista Jorge Nicola, no Youtube, e falou sobre os momentos distintos do clube alviverde e do Flamengo, as duas principais equipes do futebol brasileiro na atualidade. Para o dirigente, time rubro-negro “olhou” o modelo que estava dando certo no Palmeiras e “copiou” as estratégias que estavam dando certo.

“Palmeiras e Flamengo são hoje grandes modelos de gestão. O Flamengo passou seis anos se reestruturando, pagando conta, buscando ter as suas certidões negativas para chegar no estágio melhor para poder desenvolver o seu centro de treinamento e para conseguir realmente fazer valer toda a quantidade de torcida que tem. O Flamengo hoje tem uma equipe de futebol extremamente competitiva, consegue ter um trabalho de categorias de base com esplendor, consegue ter um treinador que vem com conceitos diferentes dos adotados pelos nosso e consegue uma condição financeira de ir ao mercado e fazer as principais contratações. Mas se tem alguém que também se planejou e que também tem um bom centro de treinamento, uma boa categoria de base, uma boa condição de mercado e um treinador excelente, esse alguém é o Palmeiras”, avaliou o gerente de futebol palmeirense.

Foto: Divulgação
“Analisando o case do Flamengo à fundo, você vai entender que o Flamengo olhou para o Palmeiras também. Talvez o Flamengo já tivesse vencido (títulos) antes (de 2019) se não aparecesse o Palmeiras. Acho que a gente conseguiu alguns atalhos, como o estádio, talvez agora eles tenham também o Maracanã como um aliado (do Flamengo), como o centro de treinamento. O nosso CT foi o primeiro com alguns conceitos de metodologia, o primeiro com quartos individuais… Eu poderia até citar outros detalhes que parecem não ser significativos, mas que dão qualidade para o trabalho. E o Flamengo veio copiar isso do Palmeiras”, acrescentou.

Para Cícero Souza, agora o Palmeiras precisa esquecer o passado recente e buscar constante evolução para retomar o posto de melhor clube do futebol brasileiro. “A gente tem que estar atento, não só com o Flamengo, mas com todo mundo que estiver fazendo uma gestão boa, aplicando conceitos bons. Não podemos nunca estar satisfeitos com os nosso. Mesmo o que a gente considera um acerto, precisamos cada vez mais melhorar”.

“O futebol não pode olhar para trás, mas tem que olhar adiante. O que te levou às conquistas lá atrás não é garantido que vai te dar conquistas lá na frente. O mundo anda para frente”, finalizou.

Vale lembrar que, enquanto o Palmeiras passou o ano de 2019 em branco, o Flamengo conquistou o Campeonato Carioca, o Brasileirão e a Copa Libertadores. Desde 2015, porém, o time alviverde conquistou três títulos nacionais: Copa do Brasil (2015) e dois Campeonatos Brasileiros (2016 e 2018).

Para o dirigente, time rubro-negro “olhou” o modelo que estava dando certo no Palmeiras e “copiou” as estratégias que estavam dando certo.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget