"Não me julguem sem saber o que aconteceu", pede Cuéllar

COLUNA DO FLA: A saída de Gustavo Cuéllar do Flamengo, após uma relação intensa vivida com a Nação Rubro-Negra, foi de forma polêmica e teve capítulos tumultuados. Cerca de nove meses após o adeus, o volante, que hoje pertence ao Al Hilal, falou sobre a despedida do clube da Gávea e fez um ‘pedido’ à torcida: que não o julgue sem ter detalhes dos bastidores.

Em entrevista concedida ao canal Pilhado, do jornalista Thiago Asmar, o colombiano destacou os momentos felizes que viveu durante seu período no Mais Querido – que durou de janeiro de 2016 até agosto de 2019. Porém, segundo ele, foi necessário ‘acordar do sonho’.

Foto: Alexandre Vidal
– Foram momentos muito lindos, vivi um sonho, mas uma hora eu tive que acordar. Desfrutei muito com a minha família, mas no final tive que tomar uma decisão (de sair). Peço aos torcedores do Flamengo que não me julguem, sem saber a verdade do que realmente aconteceu nas negociações. Mas no final, quando eu tiver aposentado eu falo sobre o ocorrido. Dos 45 milhões de torcedores (que o Flamengo tem), acho que uns cinco milhões estão me xingando, o restante continua me respeitando pelo que fiz e acredita em mim, que tomei uma decisão que eu tinha que ser tomada.



Ele falou sobre a despedida do Flamengo e fez um ‘pedido’ à torcida: que não o julgue sem ter detalhes dos bastidores.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget