Permanência de Jorge Jesus é uma vitória para o futebol brasileiro

LANCE: Fabio Chiorino e Rodrigo Borges

Com praticamente tudo acertado com o Flamengo, Jorge Jesus deve renovar contrato ainda nesta semana. No domingo, a TV Globo informou que faltavam pequenos detalhes para a assinatura. Ontem, o jornalista Mauro Cezar Pereira noticiou em seu blog que o valor do salário deve permanecer o mesmo e que o tempo de contrato é o que falta ser resolvido - o Rubro-Negro quer o técnico até o fim de 2021, enquanto Jesus deseja duração de um ano.

A esta altura, porém, parece improvável que a permanência do treinador não seja acertada. É uma notícia boa não apenas para o Flamengo, mas para o futebol brasileiro. Claro que torcedores rivais vão sofrer, mas é inegável que Jorge Jesus, assim como Jorge Sampaoli, elevaram a barra por aqui. Torcedores passaram a não mais se contentar com futebol amparado apenas em resultados. É preciso mais, é preciso jogar um bom futebol, extrair o melhor dos jogadores.

Foto: Alexandre Vidal
As chegadas do argentino e do português levaram dirigentes, pressionados, a buscar soluções no exterior e colocou em xeque técnicos vistos como o oposto dos dois bem-sucedidos colegas estrangeiros: são aqueles que buscam um gol e se fecham para garantir o resultado. Com Sampaoli no Atlético-MG e a permanência de Jesus no Flamengo, ganha quem gosta de futebol. E perde quem insiste em jogar um futebol cujo objetivo são vitórias medíocres.


É uma notícia boa não apenas para o Flamengo, mas para o futebol brasileiro.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget