Trauco diz que não queria ter deixado o Flamengo

TORCEDORES: Em live no Instagram, Trauco falou sobre as chances que teve no Flamengo. Apesar de ter vivido bons momentos no clube, ele nunca conseguiu se consolidar como titular absoluto. Diante disso, a chegada de Filipe Luís selou sua saída para o Saint-Étienne. Mesmo assim, o peruano pontuou que sempre seus erros estiveram mais em evidência do que seus méritos.

“Meu tempo no Flamengo foi mais ou menos. Sinto que tinha que dar mais, mas não sendo brasileiro, não me deram muitas oportunidades. Eu entrava, dava um passe ou dois passes para o gol e o próximo jogo ia pro banco. Sempre prestaram mais atenção nos meus erros do que o que eu poderia oferecer”, declarou.

Foto: Gilvan de Souza
Em tom mais descontraído, Trauco diz ter recebido as medalhas de vencedor da Libertadores e do Brasileirão. Porém, ele revelou que não ganhou nenhuma premiação financeira pelas conquistas do Flamengo em 2019.

“Tenho minha medalha Libertadores e Brasileirão. Mas nada (de dinheiro) caiu (risos)”, completou.

Em um episódio curioso, o lateral explicou o motivo de não pedir mais para trocar sua camisa com a de outros atletas. Isso porque o peruano acabou se enrolando na hora de solicitar o uniforme de Sterling.

“Na partida contra a Inglaterra em Wembley, foi algo que me marcou. Eu disse a Sterling para trocar a camisa, eu até pratiquei em inglês para poder trocá-la, mas isso me deixou muito envergonhado. A partir daí, nunca mais peço uma camisa. Advíncula (companheiro de seleção) me viu e riu”, contou.

Mesmo assim, o peruano pontuou que sempre seus erros estiveram mais em evidência do que seus méritos.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget