Protocolo criado pelo Flamengo é referência para a Conmebol

LANCE: A partir da paralisação do futebol brasileiro por conta da pandemia do coronavírus, em março, o departamento médico do Flamengo esteve empenhado em desenvolver os protocolos a fim de garantir o retorno das atividades no Ninho do Urubu de forma segura a todos profissionais envolvidos. Com o elenco principal de volta ao CT há três semanas, o DM rubro-negro tem sido consultado por outras organizações, como a Conmebol.

No início desta semana, o preparador físico Mário Monteiro representou o Flamengo em videoconferência organizada pela Conmebol para discutir maneiras de aplicar treinos físicos diante da nova realidade do esporte e rígidos protocolos médicos. Durante debate, o profissional - membro da comissão técnica de Jorge Jesus - destacou toda a estrutura e o grupo de trabalho que o clube dispõe no Ninho do Urubu como diferenciais para realizar as atividades.

Foto: Alexandre Vidal
Chefe do departamento médico do Flamengo e integrante das comissões médicas da Ferj e da CBF, o Dr. Márcio Tannure também realizou videoconferência com colaboradores da comissão técnica, médicos e diretoria do Jaraguá Futsal. O clube catarinense consultou o Flamengo para usar como referência e aprimorar os protocolos elaborados para a volta dos treinamentos.

Como o LANCE! noticiou em abril, o Flamengo adotou uma série de medidas restritivas para o retorno ao CT. Entre elas, a redução em 80% do estafe no Ninho e proibição temporária do uso do refeitório e academia. Além disso, o clube tem acompanhado clinicamente os jogadores profissionais e familiares.

O preparador físico Mário Monteiro representou o Flamengo em videoconferência organizada pela Conmebol.

Postar um comentário

[facebook]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget